NOTÍCIAS
Actualização: 06-Fev-2014

Curso Treinadores de vela - nível 1

A Associação Regional de Vela em parceria com a Federação Portuguesa de Vela, irá realizar um Curso de Treinadores de Vela – Grau 1, a ter lugar no primeiro semestre de 2014. Esta formação será certificada pelo Instituto Português do Desporto e Juventude, já enquadrado pela lei 40/2012 de 28 de Agosto e que é habilitação legal mínima para o ensino da Vela em Portugal. Dando habilitações para Treinador de praticantes das etapas mais elementares da formação desportiva (Escola de Vela), mais propriamente as etapas: Início ativo; aprendizagem e desenvolvimento exploratório, nos termos do documento "Desenvolvimento do velejador a longo prazo" (Consultar  D.V.L.P. - F.P.V em www.fpvela.pt). Também fica habilitado para ensino da modalidade com adultos.

Encontram-se abertas pré-inscrições para os interessados em adquirir o título profissional - Cédula de Treinador Grau 1 na modalidade de Vela. Para tal, basta fazer o preenchimento do boletim, remetendo para os serviços administrativos da Associação Regional de Vela (arvm@netmadeira.com).

 

Aproveite e faça a sua Pré-inscrição.

Associação Regional de Vela da Madeira

(Quinta - feira, 6  de Fevereiro  de 2014)

Formações

CONSELHO REGIONAL DE ARBITRAGEM

Por incumbência do Conselho Regional de Arbitragem, vimos pelo presente transmitir-vos o seguinte:

1-    Com o objetivo de angariar novos Árbitros e possibilitar uma reciclagem de conteúdos das Regras de Regata à Vela 2013/2016 aos Árbitros “ativos” e “não ativos”, informamos que encontram-se abertas pré-inscrições para a participação nas seguintes formações, organizadas conjuntamente pela Federação Portuguesa de Vela e Associação Regional de Vela e credenciadas pela Autoridade Nacional – FPV:

-  Curso de “Oficiais de Regata” – Grau 1 (16 horas)

- Curso de “Juízes” – Grau 1 (16 horas)

- Curso de “Oficiais de Regata” – Grau 2 (16 horas)

- Curso de “Juízes” – Grau 2 (16 horas)

- Curso de “Medidores” – Grau 1 (16 horas)

- Curso complementar de “Medidores - ORC” (16 horas e destinado a medidores - Grau 1)

Por ser considerado que “o conhecimento não ocupa espaço” endereçamos o convite, no sentido de participarem neste bloco de formações na área da arbitragem, sendo que para já apenas solicitamos o preenchimento do boletim  e o envio para os serviços administrativos da Associação Regional de Vela.

2-    No próximo mês de Março o Conselho Regional de Arbitragem da ARVM irá organizar workshop em três sessões, que terá como objetivo, incutir nos recursos humanos que compõem as Autoridades Organizadoras um conjunto de ferramentas e procedimentos administrativos aquando da organização de regatas de âmbito regional. As sessões são em número de três, de forma a possibilitar uma participação efetiva das coletividades, sendo que apenas é necessário frequentar uma delas, à escolha conforme a disponibilidade:

- 1ª Sessão – 12 Março (quarta-feira)      – Das 14h00 às 18h00

2ª Sessão – 22 Março (sábado)            – Das 08h30 às 12h00

3ª Sessão – 25 Março (terça-feira) e 27 de Março (quinta-feira) – Das 18h30 às 20h30

Nesta formação será analisado o Regulamento Desportivo 2013/2014 da ARVM, culminando com a organização de um evento (simulado).

As inscrições encontram-se abertas, solicitando-se o preenchimento do boletim  e o envio para os serviços administrativos da Associação Regional de Vela.

Os interessados em frequentar as ações mencionadas, oportunamente serão contatados no sentido de ser transmitido mais pormenores, referentes à realização das formações.

Associação Regional de Vela da Madeira

(Segunda- feira, 4  de Fevereiro  de 2014)

3ª Prova do Campeonato da Madeira de Vela Ligeira – BRISA - 1ªPAR

 

25 e 26 de Janeiro |3ª Prova do Campeonato da Madeira de Vela Ligeira - BRISA - 1ªPAR - CNF

 

O Clube Naval do Funchal em coorganização com a Associação Regional de Vela da Madeira, como Autoridade Organizadora, com o patrocínio da EXICTOS e da BRISA, levaram a efeito a 3ª PROVA DO CAMPEONATO DA MADEIRA DE VELA LIGEIRA BRISA - 1ª PAR.

O programa de regatas constou de 5 regatas distribuídas pelos dois dias. No primeiro dia o campo de regatas foi montado em frente ao Hotel Santa Maria, observou-se uma grande instabilidade do vento, o que impediu a validação da 3ª Regata. No segundo dia, o campo de regatas foi montado a sul do molhe da Pontinha. Houve uma grande melhoria na qualidade de vento, permitindo a boa prática da modalidade.

A prova contou com 64 velejadores participantes, distribuídos pelos vários escalões sendo a classe Optimist Juvenil a mais concorrida, com 21 velejadores. O clube com mais atletas a participar foi o Clube Naval do Funchal.

 

Assim e de acordo com as classificações tivemos como vencedor na classe Access, Élvio Barradas, seguindo-se António Calaça e António Nóbrega, os três do Clube Naval do Funchal.

Na classe Optimist, no escalão infantil, Guilherme Jesus, do Iate Clube Santa Cruz, seguido de Margarida Balau, do Centro Treino Mar e Henrique Soares da Associação Náutica da Madeira.

Na mesma classe, no escalão juvenil, venceu Gonçalo Vieira, do Iate Clube Santa Cruz, seguido de Luís Fernandes do Iate Clube de Santa Cruz e Pedro Abreu do Clube Naval do Funchal. Francisco Monteiro, do Iate Clube de Santa Cruz, foi vencedor na classe Laser 4.7, seguido de Alexandre Casimiro e de Luís Fraga, ambos do Clube Naval do Funchal.

Na Classe Laser Radial, Francisco Gouveia, do Iate Clube de Santa Cruz, atingiu o primeiro lugar, seguindo-se Pedro Correia do Clube Naval do Funchal e Gonçalo Teixeira do Iate Clube de Santa Cruz.

Na Classe BIC Techno Juvenil Ricardo Sousa do Clube Naval do Funchal foi o vencedor, seguindo-se Matilde Freitas do Centro Treino Mar e Francisco Vieira do Clube Naval do Funchal.

 Na mesma Classe no escalão Júnior, Artur Marques do Clube Naval do Funchal atingiu o primeiro lugar, seguindo-se Manuel Palermo e Margarida Rodrigues ambos do Centro Treino Mar.

Na Classe RS:X Guilherme Marques do Clube Naval do Funchal chegou ao primeiro lugar, seguido de Frederico Rodrigues e Gil Costa ambos do Centro Treino Mar.

 

As condições meteorológicas foram propícias à prática da modalidade, com ventos máximos na ordem dos 10 nós, do quadrante Sudoeste.

As regatas foram dirigidas pelos árbitros Rosa Ornelas e Francisco Trigo, na Comissão de Regatas, por Duarte Drummond e Ivan Nunes na Comissão de Protestos.

Estiveram presentes na entrega de prémios várias individualidades de destacar, o Senhor Secretário Regional da Educação e Recurso Humanos, Dr. Jaime Freitas, Diretor Regional da Juventude e Desporto, Dr. Rui Anacleto Alves, Dra. Ana Sousa, presidente da Associação dos Amigos de Pessoas com Necessidades Especiais da Madeira e representante da EXICTOS.

 

                     

Associação Regional de Vela da Madeira

(Sexta- feira, 31  de Janeiro de 2014)

PROVAS - Classe Cruzeiro - 2014

 

Provas | Classe Cruzeiro | 2014

 

Com o calendário de provas a decorrer, tendo já sido disputado algumas regatas nas diversas classes, vimos pelo presente reiterar a comunicação já transmitida, tendo por objectivo a adoção de um conjunto de procedimentos no sentido de agilizar o processo administrativo de inscrição em regatas.

Na época desportiva 2013/14, a Associação Regional de Vela e seus Associados coadjuvados pela Comissão Técnica desenvolveram esforços no sentido de apresentar um calendário de provas exequível, bem como fosse factor agregador na satisfação dos participantes neste tipo de actividades desportivas, sejam de cariz lúdico ou competitivo.

Passamos a apresentar-vos o quadro de atividades para a classe cruzeiro:

1-    Campeonato da Madeira de Cruzeiros, agendado para 25, 26 e 27 de Abril de 2014, num quadro competitivo concentrado a ser apresentado oportunamente:

- Serão adotados os certificados de rating SRI e estabelecidas as seguintes classes: SRI 1, SRI 2 e SRI 3, sendo que o enquadramento das mesmas, será publicado pela ARVM antes do início da prova.

- São elegíveis para participar no Campeonato da Madeira de Cruzeiros, as embarcações que cumpram os requisitos da FPV, nomeadamente no que concerne à licença desportiva (obrigatória para participação em provas)

-  Para efeitos participação no Campeonato da Madeira de Cruzeiros a inscrição da embarcação será válida mediante a apresentação:

a)      Certificado de rating válido.

b)      Comprovativo da licença de publicidade válida da FPV ou da autoridade nacional do país de origem.

c)       Apólice do seguro de responsabilidade civil em provas desportivas relativamente a terceiros.

d)      Apólice do seguro dos elementos da tripulação não federados nos termos do Decreto-Lei 10/2009 de 12 de Janeiro e legislação subsequente.

- Para homologação do Campeonato da Madeira de Cruzeiros é exigida a participação mínima de pelo menos 5 (cinco) embarcações e a realização de um mínimo de 2 (duas) regatas.

2-    Circuito Regional de Cruzeiros, num total de seis provas que decorrem entre Fevereiro a Agosto de 2014, num quadro competitivo multi-jornada, com os principais normativos:

- Serão adotados os certificados de rating SRI e estabelecidas as seguintes classes: SRI 1, SRI 2 e SRI 3, sendo que o enquadramento das mesmas, será publicado pela ARVM antes do início da primeira prova que compõe o Circuito Regional de Cruzeiros.

- São elegíveis para participar no Circuito Regional de Cruzeiros, as embarcações que cumpram os requisitos da FPV, nomeadamente no que concerne à licença desportiva (obrigatória para participação em provas)

-   Para efeitos participação no Circuito Regional de Cruzeiros a inscrição da embarcação será válida mediante a apresentação:

a)     Certificado de rating válido.

b)     Comprovativo da licença de publicidade válida da FPV ou da autoridade nacional do país de origem.

c)     Apólice do seguro de responsabilidade civil em provas desportivas relativamente a terceiros.

d)    Apólice do seguro dos elementos da tripulação não federados nos termos do Decreto-Lei 10/2009 de 12 de Janeiro e legislação subsequente.

- Uma embarcação concorrerá em representação do Clube a que corresponde a LD do skipper, maior de idade, inscrito no boletim de inscrição, contando para efeitos de ranking, as classificações obtidas pela embarcação.

- A classificação por classe deverá ser extrapolada da classificação geral, utilizando-se o sistema de pontuação baixa, isto é, se o 4º classificado da geral for o 1º classificado da classe, receberá para efeitos de classificação da classe 1 (um) ponto e assim sucessivamente.

- Para homologação das provas que compõem o Circuito da Regional de Cruzeiros é exigida a participação mínima de pelo menos 5 (cinco) embarcações.

- Para homologação do Circuito Regional de Cruzeiros é exigida a realização de um mínimo de 4 (quatro) provas homologadas.

- Será da responsabilidade da ARVM, após a homologação de cada prova, elaborar um ranking absoluto e por classes.

- Após a conclusão do Circuito Regional de Cruzeiros serão entregues prémios ao 1º da classificação geral absoluta e aos 3 (três) primeiros de cada classe.

3-    Taça da Madeira de Clubes, esta competição disputada paralelamente no decorrer das provas que compõem o Circuito Regional de Cruzeiros, num total de seis provas que decorrem entre Fevereiro a Agosto de 2014, com os principais normativos:

- Para participarem na Taça da Madeira de Clubes os clubes devem fazer uma inscrição antes do início do Circuito Regional de Cruzeiros.

- Para a Taça da Madeira de Clubes pontuam em cada prova as 3 (três) melhores embarcações de cada clube classificadas representando o clube inscrito neste Troféu.

- Para efeitos de pontuação em cada prova, será adoptada a pontuação baixa, sendo atribuído ao 1º classificado 1 ponto, ao 2º dois pontos, ao 3º três e assim sucessivamente.

- Para efeitos de pontuação no ranking da Taça da Madeira de Clubes, nas provas onde não participe o número mínimo de 3 (três) embarcações por clube, será atribuído a pontuação igual ao “DNC - Did Not Compete”.

- O título de vencedor da Taça da Madeira de Clubes será entregue ao clube que obtiver no conjunto da totalidade das provas a pontuação mais baixa.

- O clube vencedor da Taça da Madeira de Clubes será premiado com um troféu perpétuo no qual será colocada uma placa com o nome do clube e que ficará na sua posse durante um ano até ao apuramento do vencedor da Taça da Madeira de Clubes do ano seguinte.

4-    Regatas Final de Tarde, num total de cinco provas que decorrem entre Novembro de 2013 a Junho de 2014, disputados de acordo com a documentação de prova especifica (Anúncio e Instruções de Regata).

5-    A Regata S. Silvestre (28 de Dezembro) e Regata Comemorativa Dia da Cidade do Funchal (21 de Agosto), serão regatas com um grande cariz lúdico/desportivo, face à época do ano em que se realizam, onde é pretendido o fomento do convívio entre velejadores e demais comunidade madeirense.

6-    As restantes provas organizadas pelos clubes associados, terão uma envolvência muito própria de cada clube organizador, de acordo com a documentação de prova específica (Anúncio e Instruções de Regata).

Face ao exposto, solicitamos a colaboração dos Armadores e/ou Skippers, no sentido de agilizarmos o processo administrativo de participação em regatas:

1-    Que seja remetido para os serviços da ARVM, a documentação abaixo descrita, por forma a ARVM constituir uma base de documentação de cada embarcação, e desta forma caberá a esta Instituição, comprovar a veracidade junto das Autoridades Organizadoras de cada prova, face ao boletim de inscrição entregue por vós, aquando da intenção de participar numa das regatas agendadas. Estes documentos deverão ser enviados em suporte informático para a ARVM sempre que sofram atualizações, dispensando a sua apresentação física.

2-    Aceitação dos termos da declaração de responsabilidade (anexado à presente comunicação), através do seu preenchimento e devolução para os serviços da ARVM, válido para todas as inscrições que sejam formalizadas em regatas que compõem o Calendário de Provas 2013/2014 sob a égide da ARVM.

Documentação a reunir por embarcação de cruzeiro:

- Livrete da embarcação.

- Certificado de rating válido.

- Comprovativo da licença de publicidade válida.

- Declaração de responsabilidade válida para as provas do Calendário de Provas 2013/2014.

- Apólice do seguro de responsabilidade civil em provas desportivas relativamente a terceiros.

- Apólice do seguro de tripulação não federada, nos termos do Decreto-Lei 10/2009 de 12 de Janeiro e legislação subsequente.

Nota: Não descurando o aqui apresentado, sugerimos que o Regulamento Desportivo ARVM seja analisado.

Associação Regional de Vela da Madeira

(Segunda - feira, 27 de Janeiro de 2014)

 

 

1ª Prova do Campeonato da Madeira de Vela Ligeira – BRISA

 

09 e 10 de Novembro |1ª Prova do Campeonato da Madeira de Vela Ligeira - BRISA - CTM

 

O Centro Treino Mar e a Associação Regional de Vela, levaram a efeito no passado fim-de-semana, 9 e 10 de Novembro, a primeira prova do Campeonato da Madeira de Vela Ligeira – BRISA.

O programa de regatas constou de 3 regatas distribuídas pelos dois dias. No primeiro dia o campo de regatas foi montado a sul da Pontinha e no segundo dia em frente ao complexo balnear da Barreirinha, mantendo-se o percurso escolhido barlavento-Sotavento.

 A prova contou com 72 velejadores inscritos, distribuídos pelos vários escalões sendo a classe Optimist a mais concorrida, com 40 velejadores. O clube com mais atletas a participar foi o Clube Naval do Funchal. Assim e de acordo com as classificações tivemos como vencedor na Classe Optimist, no escalão infantil, Gonçalo Gomes, do Clube Naval do Funchal. Na mesma classe, no escalão juvenil, venceu Gonçalo Vieira, do Iate Clube Santa Cruz, seguido de Miguel Gomes do Clube Naval do Funchal e Luís Andrade do Centro Treino Mar. Francisco Monteiro, do Iate Clube de Santa Cruz, foi vencedor na classe Laser 4.7, seguido de Luís Fraga e Alexandre Casimiro, ambos do Clube Naval do Funchal. Na Classe Laser Radial, Pedro Correia, do Clube Naval do Funchal, atingiu o primeiro lugar, seguindo-se Gonçalo Teixeira e Francisco Gouveia ambos do Iate Clube de Santa Cruz. Na Classe BIC Techno Juvenil Ricardo Sousa do Clube Naval do Funchal foi o vencedor. Na mesma Classe no escalão Júnior Artur Marques também do Clube Naval do Funchal atingiu o primeiro lugar. Na Classe RS:X Júnior Aléxis Santos do Centro Treino Mar chegou ao primeiro lugar, seguido de Frederico Rodrigues também do Centro Treino Mar. Na classe Raceboard, o primeiro lugar pertenceu ao Centro de Treino Mar com Alberto Rodrigues.

As condições meteorológicas não foram propícias à prática da modalidade, com ventos de nordeste, no primeiro dia o vento rondou os 20 nós e no segundo os 25 nós, daí ter existido um elevado número de desistências nos vários escalões, bem como algum material danificado devido à intensidade do vento.

A entrega de prémios realizou-se após a conclusão da prova nas instalações do Centro Treino Mar.

As regatas foram dirigidas pelos árbitros Fátima Menezes e Francisco Trigo, na Comissão de Regatas, por Duarte Drummond e Carlos Santos na Comissão de Protestos.

A prova contou com a colaboração da BRISA.

                     

 

Para consulta detalhada das classificações clique aqui

Associação Regional de Vela da Madeira

(Segunda - feira, 11  de Novembro de 2013)

 

 

Torneio de outono de Vela Ligeira

 

26 e 27 de Outubro |Torneio de Outono - Centro Treino Mar

 

O Centro Treino Mar em coorganização com a Associação Regional de Vela realizou no passado fim-de-semana o TORNEIO DE OUTONO de Vela Ligeira da Região Autónoma da Madeira na baía do Funchal. As condições de vento sofreram uma melhoria entre o primeiro e segundo dia de regata, atendendo que no sábado só permitiram a realização de duas regatas, com vento fraco a atingir os 5 nós de intensidade, mas com pouca estabilidade na sua direção (Sul), implicando o ajustamento por diversas vezes do diagrama de percurso por parte da organização, levando a atrasos no início das regatas. Já no domingo, último dia de regatas, com uma ligeira melhoria das condições, com cerca de 8 nós de intensidade de vento e direção de Este, foi possível realizar mais três regatas, cumprindo o programa de regatas estipulado, exceto para a classe Optimist juvenil, face à gradual diminuição da intensidade de vento ao final da tarde de domingo.

Segundo as palavras do diretor do Centro Treino Mar, José António Gouveia, a prova desenrolou-se bem, apesar do vento fraco conseguiu-se realizar quatro regatas para a classe Optimist Infantil e Juvenil e cinco regatas para as restantes classes em competição.

A prova contou com 66 participantes, distribuídos pelas várias classes da Vela Ligeira. Assim e de acordo com as classificações tivemos como vencedor na classe Optimist, no escalão infantil, Guilherme Jesus, do Iate Clube de Santa Cruz, seguido de Gonçalo Gomes e João Relvas ambos do Clube Naval do Funchal. Na mesma classe, no escalão juvenil, venceu Pedro Abreu, do Clube Naval do Funchal, seguido de Alice Marques do Clube Naval do Funchal e Gonçalo Vieira do Iate Clube de Santa Cruz. Alexandre Casimiro, do Clube Naval do Funchal, foi vencedor na classe Laser 4.7, seguido de Lourenço Cardoso ambos do Clube Naval do Funchal e Francisco Gouveia do Iate Clube de Santa Cruz. Na Classe RS:X Júnior Guilherme Marques do Clube Naval do Funchal seguido de Gil Costa do Centro Treino Mar. Na classe Raceboard, o pódio pertenceu ao Centro de Treino Mar com João Pedro Gomes em primeiro lugar, seguido de João Rodrigues e Pedro Ideia. Por último na classe Techno

Juvenil Ricardo Sousa concluiu a prova em primeiro lugar seguindo-se de Francisco Vieira ambos do Clube Naval do Funchal. Na mesma classe no escalão Júnior Artur Marques do Clube Naval do Funchal venceu a prova seguido de António Castro e Manuel Palermo ambos do Centro Treino Mar.

A entrega de prémios realizou-se após a conclusão da prova nas instalações do Centro Treino Mar.

As regatas foram dirigidas pelos árbitros Fátima Menezes e José António Gouveia, na Comissão de Regatas, por Duarte Drummond e Carlos Santos na Comissão de Protestos, e Francisco Trigo como Diretor Técnico da Associação Regional de Vela da Madeira.

                          

Para consulta detalhada das classificações clique aqui

Associação Regional de Vela da Madeira

(Sexta - feira, 1  de Novembro de 2013)

 

 

Compromisso de extrair o máximo do mar

 

26 de Outubro |Presidente da Associação Regional de Vela - Sérgio Jesus

 

Nunca como agora o Mar esteve em evidência, e a sua discussão, contempla atualmente uma dimensão que vai muito para além da visão clássica que guardamos no nosso âmago, das conquistas quinhentistas, e das visões líricas que o Mar é a eterna Terra Prometida, prancha de salvação para um país hoje despojado de ritmo de crescimento e com uma necessidade gritante de se recolocar na senda do desenvolvimento.

A Vela, onde tenho aplicado a minha quota de tempo associativo, é o filho pródigo entre dois dos Elementos: Água e o Ar, entenda- se, Mar e Vento. Mas contrariamente ao que seria de esperar, esta prática é profundamente condicionada por outros fatores que nada têm a ver com os naturais. O Arquipélago da Madeira, possui condições ímpares para a prática da Vela, em todas as suas vertentes, quer de lazer quer de competição, quer por residentes, quer por passantes, contribuindo para a economia real, seja na captação de eventos, cujo efeito é direto no turismo e na promoção do destino através de canais privilegiados, seja na chamada indústria da vela, com as reparações e manutenções, seja ainda no investimento direto estrangeiro de longo prazo, através da fixação de estrangeiros e das suas embarcações.

Este potencial único é tanto mais evidente, pela nossa posição geográfica, situada na rota de passagem de milhares (!) de embarcações que anualmente nos trocam pelas Canárias e pelos Açores, e que rumariam para cá, se encontrassem condições tidas como básicas para potenciar este gigantesco mercado, que nos arriscamos a capitalizar, fazendo apenas alguns ajustes de pormenor, ao nível das acessibilidades marítimas, da desburocratização e da harmonização fiscal. Há por isso que assumir um compromisso, de demonstrar este potencial, a extrair do nosso maior, já pronto e pago campo desportivo, que teimosamente tem sido negligenciado mas que agora parece arribar a bons ventos.

 

Associação Regional de Vela da Madeira

(Quarta - feira, 30  de Outubro de 2013)

 

Fórum de Turismo e Atividades Náuticas em Ibiza

 

11 de Outubro |Fórum de Turismo e Atividades Náuticas em Ibiza

 

A Associação Regional de Vela da Madeira esteve representada pela sua Direcção, no "1º Fórum de Turismo e Atividades Náuticas", que decorreu em Santa Eulália del Rio, na ilha de Ibiza, no passado dia 11 de Outubro.

A organização deste evento, que contou com a presença de cerca de 300 participantes, e decorreu no palácio de congressos desta ilha das Baleares, esteve a cargo da Estação Náutica de Santa Eulália del Rio, no âmbito de uma visita promovida por esta entidade, junto de empresas e instituições náuticas da Madeira, e que contou com a presença de representantes do Governo Regional da RAM, nomeadamente do Diretor Regional de Juventude e Desporto e do Eurodeputado pela RAM ao Parlamento Europeu.

A motivação deste convite, foi a de dar a conhecer o conceito das Estações Náuticas, já implementado em Espanha há mais de 10 anos, e que na prática, resulta em criar um modelo de gestão integral da oferta das atividades náuticas, muito à semelhança de como o é estruturado nas estâncias de ski, por forma a que os profissionais do sector se organizem à volta de uma estrutura profissional que se destina a estruturar o produto turístico, com vista a assegurar a certificação e credibilização da sua oferta junto dos clientes, assegurando a promoção desta oferta em canais especializados e permitindo integrar várias dinâmicas operacionais que até ao momento eram tratadas de forma isolada.

Com efeito, a participação da ARVM, foi possibilitada pela disponibilidade dos participantes em assegurarem a título pessoal, a sua deslocação e estadia, e que aliado à organização por parte da Federação de Estações Náuticas de Espanha, na pessoa de Rafel Moreno, permitiu visitar para além das Estações Náuticas de Santa Eulália del Rio, a de St. Antoni e as infraestruturas náuticas da cidade de Ibiza, bem como marinas, clubes náuticos e zonas de lazer e de prática de atividade náutica, permitindo estreitar conhecimentos e contactos com uma realidade que apesar de diversa, é-nos próxima em termos de condicionamentos geográficos e físicos,  e que nos obrigam a perspetivar permanentemente soluções que nos permitam ganhar competitividade e mercado.

No final, ficou subjacente que esta iniciativa deveria resultar numa divulgação e esclarecimento na RAM por parte dos intervenientes nesta visita, nomeadamente da lógica subjacente a este conceito de estruturação e promoção de um produto turístico específico, e cujas vantagens ficaram de sobremaneira evidenciadas, com vista a se poder perspetivar a melhor forma de efetivar este conceito, e melhor enquadrá-lo à realidade regional.

 

         

Associação Regional de Vela da Madeira

(Segunda - feira, 14  de Outubro de 2013)

 

 

TORNEIO DE ABERTURA VELA LIGEIRA

 

12 e 13 de Outubro | Torneio de Abertura  Vela Ligeira

 

A Associação Náutica da Madeira em coorganização com a Associação Regional de Vela realizou no passado fim-de-semana o Torneio de Abertura da nova época desportiva da Vela Ligeira da Região Autónoma da Madeira. A baía do Funchal foi palco de três regatas. As condições de vento não foram as mais favoráveis, atendendo que no sábado só permitiram a realização de uma regata, com vento fraco a rondar os 5 nós e no domingo com uma ligeira melhoria das condições, 8 nós, foi possível realizar mais duas regatas.

Segundo as palavras do Presidente da Comissão de Regata, José Luís Afonso, a prova desenrolou-se bem com todos os participantes a colaborarem, sendo a maioria dos velejadores novos. Acrescentou que é notório o aumento do número de praticantes, com maior enfase na classe Optimist com 40 inscritos.

A prova contou com 69 participantes, distribuídos pelas várias classes da Vela Ligeira. Assim e de acordo com as classificações tivemos como vencedor na classe Optimist, no escalão infantil, Guilherme Jesus, do Iate Clube de Santa Cruz, seguido de Gonçalo Gomes e Rodrigo Marques do Clube Naval do Funchal. Na mesma classe, no escalão juvenil, venceu Gonçalo Vieira, do Iate Clube de Santa Cruz, seguido de Alice Marques e Inês Freitas ambas do Clube Naval do Funchal. Lourenço Cardoso, do Clube Naval do Funchal, foi vencedor na classe Laser 4.7, seguido de Francisco Monteiro do Iate Clube de Santa Cruz e de Alexandre Casimiro do Clube Naval do Funchal, aos quais se superiorizou Rita Pinto do Iate Clube de Santa Cruz na vertente 4.7 Absoluta. Na Classe Laser Standard venceu Pedro Correia do Clube Naval do Funchal, superiorizando-se a João Pinto do Iate Clube de Santa Cruz e a Rodolfo Santos da Associação Náutica da Madeira. Na classe Techno no escalão juvenil Artur Marques, superiorizou-se a Ricardo Sousa e Francisco Vieira, todos do Clube Naval do Funchal. No escalão júnior da mesma classe a grande vencedora foi Margarida Rodrigues, seguida de António Castro e Matilde Freitas, todos do Centro Treino Mar. Na classe Raceboard, Gil Costa do Centro Treino Mar venceu, seguido de Guilherme Marques do Clube Naval do Funchal, vencedor ainda da classe RS.X no escalão juvenil, e de João Gomes do Centro de Treino de Mar.

A entrega de prémios realizou-se após a conclusão da prova no Passeio Marítimo do Funchal, junto à Praça do Mar e ao acesso ao Centro Náutico da Associação Náutica da Madeira.

As regatas foram dirigidas pelos árbitros José Luis Afonso e Rosa Ornelas, na Comissão de Regatas, Hugo Rosa, árbitro na Comissão de Protestos, e Francisco Trigo como Diretor Técnico da Associação Regional de Vela da Madeira.

A prova contou com a colaboração da Volvo Cars Portugal, através da Mendes Gomes & Cª, Lda., da Empresa de Cervejas da Madeira, da Insular - Produtos Alimentares, SGPS, S.A, da Sweets and Sugar - Produção, Comercialização de Açúcar e Derivados, S.A. e da Atlantic Islands Electricity Madeira S.A.

 

Para consulta detalhada das classificações clique aqui

 

                   

Fotos cedidas por Rosa Ornelas

Associação Regional de Vela da Madeira

(Segunda - feira, 14  de Outubro de 2013)

 

CERIMÓNIA DE ENTREGA DE PRÉMIOS VELA MADEIRA

 

03 de Outubro | Cerimónia de entrega de Prémios Vela Madeira

 

No passado dia 3 de Outubro, a Gare Marítima do Funchal serviu de palco para a grande homenagem aos campeões de Vela. A Associação Regional de Vela da Madeira atribuiu os prémios referentes à últimas três temporadas para as categorias de Vela Ligeira e Cruzeiro, assim como atribuição de um conjunto de distinções de mérito, seja desportivo, atribuídas aos atletas que se tenham distinguido em presenças nacionais e internacionais na época que findou. Por mérito aos clubes que se distinguiram pela sua atuação em prol da Vela Madeira, e por mérito de colaboração e promoção à modalidade, contribuindo para a promoção e divulgação da Vela na RAM e além fronteiras, pela disponibilidade, viabilizando e assegurando a logística nas provas realizadas. 

Nas palavras de Sérgio Jesus, presidente da Associação Regional da Madeira, o caminho da Vela na região não se fará sem união e colaboração entre todos os players da Vela, pois ninguém ganha campeonatos sozinho, nem os organiza sozinhos, e só com comunicação, diálogo e respeito entre os vários intervenientes, se conseguirá fazer realmente algo pela Vela, devendo haver uma sã, mas renhida e respeitada competitividade, devendo haver tolerância mas também assertividade nas críticas.

A cerimónia contou com a presença institucional da Federação Portuguesa de Vela, Direção Regional da Juventude e Desporto, Direção Regional do Turismo, Capitania do Porto do Funchal, Câmara Municipal do Funchal, Parque Natural da Madeira e com o apoio da APRAM, Empresa de Cervejas da Madeira, Estalagem da Encumeada, Promerch, Universidade da Madeira, Clube Naval do Funchal e Centro Treino Mar.

 

Para consulta detalhada dos prémios:

2012/2013: 

2011/2012: 

2010/2011: 

                   

               Fotos cedidas por Luís Abreu              

Associação Regional de Vela da Madeira

(Terça - feira, 8 de Outubro de 2013)

 

 

 

REGATA RESERVA NATURAL DAS ILHAS DESERTAS/MUNICÍPIO DE SANTA CRUZ

 

 

28 de Setembro | Regata Reserva Natural das Ilhas Desertas/Município de Santa Cruz| Campeonato da Madeira de Cruzeiros

 

Assim como alternativa e mantendo a distância que estava prevista, a disputa da regata a fazer-se próximo à costa leste da Madeira, teria mais vantagens desportivas, por questões técnicas de mareação, seria uma regata mais competitiva, desde bolinas, largos e popas, se a regata fosse para as Ilhas Desertas seria de menor grau técnico, com um bordo, largo ou popa. A escolha do campo da regata junto à costa leste, constatou-se acertada, com a frota de cruzeiros a aplicar-se nas diversas mareações a que foram confrontados no decorrer da regata.

As condições de vento estiveram favoráveis à prática da vela, com intensidade de vento acima dos 15 nós do quadrante sudoeste, apesar de ter existido dois momentos com uma quebra de vento o que fez com que houvesse um atraso da regata face ao programado.

Segundo Vitorino Gouveia, vice presidente do Iate Clube de Santa Cruz, a Autoridade Organizadora conseguiu, com um pouco de sorte, reunir condições climatéricas favoráveis, vento forte e médio forte, havendo necessidade da alteração do percurso, fazendo com que os velejadores estivessem satisfeitos com a regata.

Assim e de acordo com as classificações, temos como vencedores na classe SRI, a embarcação “Cash a Lot” de Francisco Nóbrega do Clube Naval do Funchal com um tempo compensado de 3h35m22s, no segundo lugar ficou a embarcação “Frederica Devonia” de Martim Cardoso, também do Clube Naval do Funchal com o tempo de 3h41m00s, a 6m38s de diferença do primeiro classificado. No último lugar do pódio, a embarcação “Alf” de Francisco Rosa com um tempo de 3h51m53s, a 10m07s do segundo lugar e a cerca 16 minutos do primeiro lugar conquistado pelo “Cash a Lot”.

A regata contou com a participação de 9 embarcações, sendo que apenas 7 cortaram a linha de chegada, às condições de vento que se fizerem sentir no campo de regata, impossibilitaram às embarcações “Red Rut” e “Teja” de concluírem a prova.

A entrega de prémios foi adiada para data a definir pela Autoridade Organizadora devido as condições climatéricas, a não permitirem com que os barcos fundeassem nas proximidades do Cais do Sardinha na Ponta de S. Lourenço.

As regatas foram dirigidas pelos árbitros Jorge Pinto e Rosa Ornelas na Comissão de Regatas e Duarte Drumond e Vitorino Gouveia na Comissão de Protestos.

A prova contou com a colaboração da Câmara Municipal de Santa Cruz e o Parque Natural da Madeira, Pastelaria Doce Tentação, Madeira Oceano´s, Sodiprave, Grupo Santagro e Brisa Maracujá.

 

                             

 
Os resultados podem ser analisados mais detalhadamente em: http://www.arvm.pt

Associação Regional de Vela da Madeira

(Segunda - feira, 30 de Setembro de 2013)

“Tour Vagabundo dos Mares”

 

23 a 28 de Setembro | Vagabundos dos Mares | João Rodrigues

 

O Município do Funchal abriu as portas do Teatro Baltazar Dias ao velejador olímpico João Rodrigues para o lançamento do seu segundo livro intitulado “Vagabundo dos Mares”. O livro é um testemunho, na primeira pessoa, do que se passou, relatando as viagens, os treinos e as competições. É também uma partilha de emoções, sentimentos, alegrias e tristezas do autor.

A apresentação esteve a cargo do Presidente da Associação Regional de Vela da Madeira, Sérgio Jesus.

O senhor Secretário Regional da Educação e Recursos Humanos, Dr. Jaime Freitas, marcou presença, destacando a personalidade do velejador, sendo um atleta que leva o nome da Madeira aos quatro cantos do mundo.

O vereador da Câmara Municipal do Funchal, amigo de infância do velejador, valorizou todo o currículo desportivo do atleta e acrescentou que desde 2006 que tem havido um apoio institucionalizado ao atleta até á data e que tudo está a ser preparado para essa manutenção de apoio para os Jogos Olímpicos no Brasil em 2016. A relação com o município ficou mais forte aquando em 2008 o velejador olímpico recebeu o convite para Embaixador do Funchal 500 anos.

A próxima apresentação será hoje em Lisboa, na sede do Comité Olímpico de Portugal, Travessa da Memória, 36, pelas 18:00, com apresentação do velejador João Cabeçadas.

Às 21:00, na Sic Noticias, no Jornal das 9, com Mário Crespo, João Rodrigues será entrevistado.

 

Próximas apresentações do livro:

25, Douro Marina, Gaia, pelas 18:00, com apresentação do velejador e jornalista Miguel Torrão.

26, FNAC do Mar Shopping, Matosinhos, pelas 19:00.

27, FNAC Vasco Da Gama, Lisboa, pelas 21:30.

28, Book It Ferreira Norges, Lisboa, pelas 17:00.

 

 

Associação Regional de Vela da Madeira

(Terça-feira, 24 de Setembro de 2013)

 
 
 
 

campeonato da madeira de windsurf

 

21 e 22 de Setembro | Campeonato da Madeira de Windsurf | Techno 293, RS:X 8.5, Raceboard

 

No passado fim-de-semana, a baía de Machico foi palco do Campeonato da Madeira de Windsurf. Contou com a participação de 18 velejadores de dois clubes, enquadrados em três classes: Techno 293, RS:X 8.5 e Raceboard.

Foram realizadas quatro regatas nos dois dias, menos quatro do que estavam programadas, devido às condições de vento não terem sido as mais favoráveis para se cumprir o horário das mesmas.

João Rodrigues do Centro Treino Mar sagrou-se campeão regional na classe de Raceboard, tendo sido a prova disputada atá à última regata, sendo que foi nesta que permitiu ao olímpico João Rodrigues atingir o primeiro lugar empatado com os mesmos pontos em relação aos colegas Alberto Rodrigues e Alexandre Rebêlo, respetivamente 2º e 3º lugar.

Na classe RS:X 8.5, Guilherme Marques do Clube Naval do Funchal, atingiu o titulo de campeão regional atingindo quatro pontos na classificação final menos um que o seu adversário Frederico Rodrigues do Centro Treino Mar. Na classe Techno 293 Júnior Tomás Silva atingiu três pontos, conseguindo o título máximo regional na sua classe. Ainda na mesma classe, desta vez nos femininos, Margarida Rodrigues terminou a prova com menos oito pontos que a sua colega Matilde Freitas ambas do Centro Treino Mar atingindo o primeiro lugar da sua classe. 

As regatas foram dirigidas pelos árbitros Fátima Menezes e José António Gouveia na Comissão de Regatas e Duarte Drummond e Rosa Ornelas na Comissão de Protestos.

A prova contou com a colaboração da Direção Regional da Juventude e Desporto, Câmara Municipal de Machico, Capitania do Porto do Funchal, Empresa de Cervejas da Madeira, Hotel Dom Pedro Baía e Associação Náutica da Madeira.

 

                             

 
Os resultados podem ser analisados mais detalhadamente em: http://www.arvm.pt

Associação Regional de Vela da Madeira

(Terça-feira, 24 de Setembro de 2013)

 
 
 
 

REDBULL YOUTH AMERICA´S CUP

PAULO MANSO NA EQUIPA ROFF CASCAIS SAILING TEAM

 

1 a 4 de Setembro | S. Francisco - Estados Unidos da América | AC-45

 

Prova que teve especial atenção para os Madeirenses, deveu-se ao facto na equipa estar presente um velejador formado nas escolas da Madeira, nomeadamente Paulo Manso, que deu as primeiras velejadas no Clube Naval do Funchal passando pelo Iate Clube de Santa Cruz, antes de rumar ao continente, onde tem tido um percurso desportivo muito interessante. Muitos parabéns, Paulo. 

 

Os jovens velejadores do Clube Naval de Cascais triunfaram na sétima da regata da série, conseguindo recuperar tempo perdido devido a uma largada adiantada. Apesar da penalização demonstraram tremenda força e agilidade ao ultrapassar oito das equipas em campo para acabar a regata em segundo lugar, atrás da equipa Suíça Tilt. Um esforço admirável que valeu nove pontos e que leva a equipa para o pódio da primeira edição da Redbull Youth America’s Cup.

 

A oitava, e última regata da série, foi cancelada devido aos ventos fortes que se fazem sentir hoje em São Francisco. 

A equipa ROFF Cascais Sailing Team, composta por Bernardo Freitas, os irmãos João e António Mello, Manuel Arriaga e Cunha, Ricardo Schedel, João Matos Rosa e Paulo Manso, não só alcançou o sonho de competir na final da Redbull Youth America’s Cup, como o objectivo de regressar a Portugal com um título.

 

O triunfo foi para o NZL Sailing with Emirates Team NZ, seguido do Full Metal Jacket Racing, ambos da Nova Zelânda.

10 equipas estiveram em competição, cada uma composta por seis velejadores com idades entre os 19 e os 24, provenientes de oito países de todo o mundo. A prova decorreu entre os dias 1 a 4 de Setembro em São Francisco, e realizou-se sob o formato de regatas de frota - duas por dia, no mesmo circuito onde se realiza a final da America’s Cup, que terá lugar de 7 a 21 de Setembro.

 

                             

                             

© Ricardo Pinto | ROFF Cascais Sailing Team

 
Web-page: ROFF Cascais Sailing Team

Associação Regional de Vela da Madeira/FPV

(Segunda-feira, 08 de Setembro de 2013)

 
 
 
 

festival de cinema de surf da madeira

 

13 a 15 de  Setembro | Paúl do Mar - Calheta | Cruzeiro

 
Designa-se “MADSWELL” o primeiro Festival de Cinema de Surf da Madeira de 13 a 15 de Setembro, no Hotel do Paúl do Mar, concelho da Calheta.
 

 

A Associação Regional de Vela da Madeira foi convidada a associar-se a este evento, através da dinamização da atividade no plano de água, com a presença de iates de cruzeiros, que completarão a oferta náutica, juntamente com demonstrações de surf e paddle board na baía do Hotel do Paúl do Mar. Concretamente, a proposta recebida, foi a de realizarmos uma regata de recreio na baía do Hotel do Paúl do Mar, seguido da participação de todos os velejadores nas atividades previstas no âmbito do Festival de Cinema de Surf da Madeira, bem como acesso ao programa social, nomeadamente a sunset party, jantar na piscina e festa do Hotel do Paúl do Mar, com o apoio do Bar Maktub, permitindo participar ativamente neste inédito evento, em um ambiente previsivelmente de festa e animação estival.

A participação no evento está limitada à tripulação que cada embarcação apresentar, segundo a capacidade máxima legal admitida para cada embarcação.

No que diz respeito à regata a realizar, prevê-se o seu início às 14:30 com fim previsto pelas 15:30, e realizar-se-á segundo as regras gerais de regata de cruzeiros, sendo que as embarcações permanecerão ancoradas nas poitas existentes ao largo do Bar Maktub, podendo pernoitar nas mesmas. O acesso a terra e vice-versa será assegurado pelos barcos de apoio das embarcações participantes.

 
Programa previsto para o dia 14/Setembro - Sábado:

 

Sábado 14

 

·         16:00 Sessão Portuguese Surf Film Festival:

·         ISOLATED (86') Prémio do Publico

 

·         18:00 Sessão Portuguese Surf Film Festival:

·         KUSHAYA IGASASI (17') Prémio Melhor Curta

·         18:30 Sessão Rookie

·         DOZE (23')

·         19:00 Sessão Quicksilver:

·         SLOW DANCE (30') Seguido de conversa com José Gregório

 

·         19:30 SUNSET PARTY

·         Jantar na zona da piscina do Hotel Paúl do Mar

·         Leilão de peça de arte com fins caritativos

·         Sorteio de prancha de surf e brindes

 

·         21:00 Sessão Portuguese Surf Film Festival:

·         STEP N'SOUL (5') Prémio Melhor Banda Sonora

·         KILLING WAVES (8') Prémio Sustentabilidade

·         NORTH OF THE SUN (46') Prémio Melhor Filme

 

·         22:30 MAKTUB Surf Bar:

·         NAGGA FIRE

·         BJOY

·         JUNIOR "TERRAKOTA"

 

Para formalizar o interesse em participar neste evento, o skipper da embarcação deverá submeter um email para deptecnico.arvm@netmadeira.com até ao dia 10 de Setembro, informando o nome da embarcação e n.º de tripulantes previstos.

 

Evento:

                 - Cartaz

                 - Objetivos

 
Web-page: Festival de Cinema de Surf da Madeira
 

Vídeos:

                 - Apresentação do Evento

                 - Vídeo promocional

Associação Regional de Vela da Madeira

(Quarta-feira, 04 de Setembro de 2013)

 
 
 
 

43º campeonato do Mundo da juventude isaf - 2013

 

13 a 20 de Julho | Limassol - Chipre | RS:X 8.5

 

Frederico Rodrigues, velejador do Centro Treino Mar, após ter adquirido o passaporte no Campeonato Nacional de Windsurf, integra a Seleção Nacional da Federação Portuguesa de Vela - FPV, que está presente no Campeonato do Mundo da Juventude organizado pela Federação Internacional de Vela - ISAF no Chipre.

Com 12 regatas disputadas e 1 descarte até ao momento, Frederico Rodrigues ocupa o 23º lugar da classificação na classe RS:X 8.5, com os seguintes resultados:

 

 

                             

         

 

Classe RS:X 8.5

                                        Anúncio de Regata
                                        Velejadores Inscritos -
28

                                        Velejador Madeirense - Frederico Rodrigues

                                        Classificações Provisórias

 

Website: ISAF YOUTH SAILING WORLD CHAMPIONSHIP 2013

Galeria de Vídeos
Galeria de Fotografias

Associação Regional de Vela da Madeira

(Quinta-feira, 18 de Julho de 2013)

 
 
 

campeonato EUROPEU de windsurf - classe rs:x

Campeonato europeu de windsurf - classe RS:X juniores

 

30 de Junho a 7 de Julho | Brest - França | RS:X

 

Segundo João Rodrigues, numa época encarada como de recuperação da campanha Olímpica anterior, a principal motivação para este Campeonato da Europa era sem dúvida manter o contacto com a classe e proporcionar à nova geração de velejadores da Madeira, nomeadamente o velejador Frederico Rodrigues do CTM e Guilherme Marques do CNF, a oportunidade de participarem nos seus primeiros Campeonatos da Europa nesta classe, no seu escalão etário.

Embora o início do campeonato tenha sido francamente promissor, num dia em que o vento chegou a atingir alguma intensidade, os dias com menos vento fizeram com que o João descesse na classificação. Apesar de ter sentido uma evolução positiva em condições de pouco vento ao longo do evento, tal não chegou a se reflectir nos resultados. Mas pelo menos deu animo para o arranque da próxima época, já em Setembro.

Em relação à prestação dos velejadores juniores insulares, a opinião de João Rodrigues, "a mesma ficou pautada pela inexperiência em provas deste calibre. Apesar de alguns resultados bastante positivos, não conseguiram se destacar na frota júnior. Mas a sua forte motivação, aliada às condições que têm na Madeira para treinar e aproveitando o facto de poderem se juntar à minha campanha rumo ao Rio, trará mais cedo ou tarde os seus frutos. Dentro de pouco tempo já poderão começar a treinar com o mesmo equipamento que uso e assim, pela primeira vez em muitos anos, terei companheiros de treino na RS:X. O horizonte é risonho!"

Guilherme Marques velejador do Clube Naval do Funchal, terminou a sua participação no Campeonato Europeu na classe RS:X junior no 64.º lugar da classificação geral, 20.º entre os sub-17. O atleta do Naval sentiu naturais dificuldades face às condições díspares das que encontra em Portugal, nomeadamente uma frota de cerca de 40 velejadores, a maioria dos quais mais velhos e experientes. De qualquer modo, o madeirense, que teve como melhor resultado um 19.º lugar, cumpriu com o objetivo de ganhar ritmo para o Campeonato Europeu da Juventude, agendado para o início de Agosto, em Tavira.

 

                   

 

Classe RS:X júnior

                                        60.º Frederico Rodrigues (CTM)   - 184 pts - 8 regatas
                                        64.º Guilherme Marques (CNF)    - 208 pts - 8 regatas

                                        Participantes - 73

                                        Classificação Final

 

Classe RS:X
                                        8.º João Rodrigues (CTM)   - 118 pts - Final Frota Azul - 12 regatas

                                        18.º João Rodrigues (CTM)   - 129 pts - 11 regatas
                                        66.º Pedro Moura (CNC)      - 212 pts - 8 regatas

                                        Velejadores Participantes - 68

                                        Classificação Final

 
Website: European Windsurf 2013

Galeria de Fotografias

Associação Regional de Vela da Madeira

(Segunda-feira, 08 de Julho de 2013)

 
 
 

atividades náuticas de tempos livres

crianças e adultos

 

Clube Naval do Funchal | Funchal

 

         

Dados disponibilizados pelo Clube Naval do Funchal

 
 

Associação Náutica da Madeira | Funchal

 

         

Dados disponibilizados pela Associação Náutica da Madeira

 
 
Centro Treino Mar | Funchal
 

         

Dados disponibilizados pelo Centro Treino Mar

 
 
Iate Clube de Santa Cruz | Santa Cruz
 

Dados disponibilizados pelo Iate Clube de Santa Cruz

 
 
Clube Naval do Seixal| Seixal - Porto Moniz
 

Dados disponibilizados pelo Clube Naval do Seixal

 
 

Associação Regional de Vela da Madeira

(Segunda-feira, 17 de Junho de 2013)

 
 
 
 

campeonato EUROPEU de windsurf - classe rs:x

Campeonato europeu de windsurf - classe RS:X juniores

 

30 de Junho a 7 de Julho | Brest - França | RS:X

 

Madeira volta a estar representada ao mais alto nível nas provas internacionais, os madeirenses  Frederico Rodrigues do CTM, Guilherme Marques do CNF, sob a orientação do técnico António Gouveia irão participar no Campeonato Europeu Windsurf na classe RS:X juniores. No que respeita ao Campeonato Europeu de RS:X o velejador João Rodrigues do CTM e Pedro Moura que atualmente representa o Clube Naval de  Cascais, serão os representantes de Portugal na classe RS:X.

A comitiva já se encontra em Brest desde do início da semana a preparar a sua participação nesta prova que terá início no próximo dia 30 de Junho (Domingo) até 7 de Julho, serão 8 dias com 3 regatas diárias para um universo de 219 velejadores de windsurf.

 

                   

 

Classe RS:X júnior

                                        Anúncio de Regata
                                        Velejadores Inscritos - 107

                                        Velejadores Madeirenses - Frederico Rodrigues e Guilherme Marques

 

Classe RS:X

                                        Anúncio de Regata
                                        Velejadores Inscritos - 112

                                        Velejadores Madeirenses - João Rodrigues e Pedro Moura

 
Website: European Windsurf 2013

Associação Regional de Vela da Madeira

(Quinta-feira, 27 de Junho de 2013)

 
 
 
 

celebração de protocolo de equipamento desportivo

clube naval do seixal

 

No passado dia 13 de Julho, decorreu nas instalações do Clube Naval do Seixal, a formalização da cedência de equipamento desportivo, por parte da Associação Regional de Vela da Madeira, a esta coletividade.

 

Numa lógica assumida de promoção da Vela na totalidade do território da RAM, a ARVM tem vindo a estabelecer protocolos de cedência de equipamentos desportivos, com os clubes náuticos regionais, sendo que no caso em apreço, cedeu a título de empréstimo 4 embarcações da Classe Optimist, e uma embarcação Raquero (barco escola), com vista a potenciar o desenvolvimento de uma escola de vela no Norte de Madeira, correspondendo às aspirações do Clube Naval do Seixal.

 

Na ocasião, o presidente da direcção da ARVM, sublinhou o dinamismo e a perseverança dos responsáveis pela gestão do CNS, reiterando o interesse que a Vela pode representar para esta localidade, nesta vertente de formação, facto corroborado pelo Presidente do Clube Naval do Seixal, que reiterou as motivações por si assumidas, aquando da sua posse, de potenciar o desenvolvimento desportivo e turístico da Costa Norte, sendo que através destas acções, será possível implementar uma estratégia para o desenvolvimento da localidade contribuindo igualmente para o reforço da oferta turística da Costa Norte.

 

                   

 

Associação Regional de Vela da Madeira

(Segunda-feira, 17 de Junho de 2013)

 
 
 
 

regata meo

2ª prova do campeonato da madeira de cruzeiros

 

Cash a Lot

vence Regata MEO

 

A Regata MEO - 2ª Prova do Campeonato da Madeira de Cruzeiros, sob a responsabilidade do Clube Naval do Funchal e da Associação Regional de Vela da Madeira, teve como vencedor, a embarcação "Cash a Lot" de Francisco Nóbrega do CNF.

 

A regata disputou-se entre Machico, Caniçal e uma baliza ao largo da Madeira, num total de 16 milhas náuticas. A embarcação com Francisco Nóbrega ao leme completou esta 2ª Prova do Campeonato da Madeira de Cruzeiros em 2 horas, 24 minutos e 2 segundos em tempo real, menos cerca de 16 minutos do que o "Alf", do skipper Francisco Rosa. No entanto, feitas as contas do handicap SRI 2013, o triunfo da embarcação que representa o Naval traduziu-se em menos de 1 minuto e meio relativamente ao seu adversário mais direto. Muito embora o vento não soprasse com grande intensidade — cerca de 8 nós —, o "Cash a Lot" beneficiou de uma largada mais rápida, tendo rondado as bóias, a primeira perto do Cais do Sardinha e a segunda ao largo da Madeira, sempre na primeira posição e seguido de perto por boa parte da frota de 9 embarcações, tendo cruzado a linha de chegada algo destacado. Na 3.ª posição classificou-se o "KDF SAILING TEAM - Pimpas", do skipper Marco Gomes, que terminou com uma diferença de cerca de 4 minutos (em tempo compensado) após o vencedor.

 

Nas diferentes classes, o "Cash a Lot" acumulou o triunfo na Classe 1, enquanto o "KDF SAILING TEAM – Pimpas" venceu na Classe 2, já a embarcação "Alf" alcançou a vitória na Classe 3.

 

Realce para os momentos sociais proporcionados pela organização, a cargo do Naval, nomeadamente um convívio na Casa do Sardinha, entre convidados da MEO, e a entrega de prémios realizada no belo Porto de Recreio de Machico.

 

                   

 

Classe SRI 2013
1.º Cash a Lot                                         - Skipper Francisco Nóbrega (CNF)
2.º Alf                                                       - Skipper Francisco Rosa (CTM)
3.º KDF SAILLING TEAM - Pimpas  - Skipper Marco Gomes (ANM)

Classificação Final

 

Classe AB/SRI
1.º Lazy M       - Skipper Ernesto Silva (CNF)
2.º Red Ruth  - Skipper Peter Baxter (ICQL)

Classificação Final

 

Vídeos no "Youtube"

                                          - Video 01

                                          - Video 02

                                          - Video 03

 
Galeria de Fotografias cedida por Rosa Ornelas

Galeria de Fotografias cedida por Norberto Nunes

Associação Regional de Vela da Madeira

(Segunda-feira, 11 de Junho de 2013)

 
 
 

madeira com quatro convocados à Seleção de vela da FPV

 

A Federação Portuguesa de Vela, emitiu um comunicado a convocar quatro velejadores regionais a integrarem a seleção nacional, tendo em vista a participação no Campeonato Europeu da Juventude (EUROSAF), a realizar-se em Tavira entre os dias 3 e 9 de Agosto de 2013.

 

Os velejadores da classe RS:X são: Frederico Rodrigues e Alexis dos Santos do Centro Treino Mar, Guilherme Marques do Clube Naval do Funchal. Já na classe Laser Radial, o velejador Pedro Correia do Clube Naval do Funchal integrará novamente seleção nacional. 

 

A maioria dos velejadores à excepção do Alexis dos Santos, integram desde há algum tempo a esta parte, o Projeto de Praticante de Elevado Potencial (no âmbito da DRJD) e o Programa de Preparação Olímpica (no âmbito da FPV), pelo que a sua participação será custeada pela Federação Portuguesa de Vela à excepção da deslocação até Tavira.

 

 

                             

 
Website: Tavira Sailing
 
Anúncio de Regata
 

Associação Regional de Vela da Madeira

(Segunda-feira,11 de Junho de 2013)

 
 
 
 

campeonato nacional de windsurf 2013

Madeirenses campeões

 

Foi um triunvirato madeirense: João Rodrigues (CTM) sagrou-se Campeão Nacional de Raceboard, Frederico Rodrigues (CTM) Campeão Nacional de RS:X 8.5 e Artur Marques Campeão Nacional de Techno 293 Júnior. No derradeiro dia do Campeonato Nacional de Windsurf, o vento voltou a soprar forte, com uma intensidade de 23 nós, que a organização considerou demasiado forte para os mais jovens. Assim, a classificação final da classe Techno 293 Júnior foi a mesma do segundo dia de prova, que registou Artur Marques como vencedor das 3 regatas disputadas. Nas outras duas classes, disputaram-se neste derradeiro dia de prova 3 regatas.

Na classe RS:X 8.5, verificou-se um duelo renhido entre os dois velejadores do CTM, com Alexis Santos a vencer as duas primeiras regatas. Frederico Rodrigues triunfou na derradeira e maximizou a vantagem que trazia dos dias anteriores para conquistar o título. No 3.º lugar ficou Guilherme Marques (CNF).

Finalmente, na classe Raceboard, João Rodrigues registou neste último dia o seu pior resultado, um… 2.º lugar (que descartou)! Um triunfo imaculado, com larga vantagem para o 2.º classificado, o seu irmão Luís Rodrigues (CTM), que neste domingo esteve mais forte do que Pedro Moura (CNC), que subiu ao último degrau do pódio.

 

                   

 

Classe Techno 293 Júnior (após 3 regatas)
1.º Artur Marques (CNF)   - 3 pts
2.º Ricardo Sousa (CNF)    - 7 pts
3.º António Castro (CTM) - 11 pts

Classificação Final

 

Classe RS:X 8.5 (após 8 regatas)
1.º Frederico Rodrigues (CTM)  - 8 pts
2.º Alexis Santos (CTM)                - 13 pts
3.º Guilherme Marques (CNF)   - 15 pts

Classificação Final

 

Classe Raceboard (após 8 regatas)
1.º João Rodrigues (CTM)  - 7 pts
2.º Luís Rodrigues (CTM)    - 16 pts
3.º Pedro Moura (CNC)       - 18 pts

Classificação Final

 
Galeria de Fotografias cedida por Rosa Ornelas

Galeria de Fotografias cedido por Norberto Nunes

Clube Naval do Funchal

(Segunda-feira, 3 de Junho de 2013)

 
 
 
 

campeonato nacional de windsurf 2013

"Europeu e Mundial via baía de Machico"

 

O Campeonato Nacional de Windsurf foi apresentado no final da tarde desta quarta-feira, na Quinta Calaça, numa conferência de imprensa que contou com as presenças de Miguel Albuquerque, Presidente da Câmara Municipal do Funchal, Juan Gonçalves, da Direção Regional de Juventude e Desporto, Félix Marques, Comandante da ZMM, Fernando Rito, representante dos Hotéis D. Pedro, e Hugo Rosa, Coordenador da Vela do Naval, para além de Mafalda Freitas e Davide Sousa, Presidentes da Direções do Naval e CTM, respetivamente.

A competição decorrerá na baía de Machico, entre os dias 31 de maio e 2 de junho, e contará com cerca de 30 velejadores, distribuídos pelas classes Raceboard, em seniores, RS:X e Techno 293, ambas no escalão júnior. Tendo sido eleita pela Federação Portuguesa de Vela como prova do critério nacional de seleção para as classes do escalão júnior, da Madeira sairão os apurados para o Mundial da ISAF, agendado para julho, no Chipre, e no Europeu da EUROSAF, a ter lugar em agosto, em Tavira.


Significado especial na Baía de Machico

Depois de ter agradecido a presença e apoio das entidades supracitadas, Mafalda Freitas recordou ter sido precisamente e Machico, há 25 anos, que se realizou a primeira daquelas provas na Madeira. «A realização das regatas naquela baía carrega um significado especial, não só porque ali realizou-se o primeiro campeonato nacional de windsurf na Madeira, mas porque também foi ali que se começou a dinamizar regatas desta especialidade há mais de 30 anos», recordou. «Tal como há 25 anos, o cabeça de cartaz é o João Rodrigues, vencedor da edição de 1988.»

Para a Presidente do Naval, esta é mais uma oportunidade de divulgar o potencial do mar madeirense. «Apesar da conjuntura económica, Naval e CTM lançaram-se a mais este desafio, mostrando que a junção de sinergias é fundamental para dinamizar projetos, e confiando na nossa capacidade organizativa para atingir o sucesso, como sucedeu aquando do Campeonato da Europa de RS:X, em 2012. Queremos dinamizar a modalidade e mostrar à nossa população e dirigentes políticos, o potencial que temos no mar, como dinamizador da economia local, com a realização de eventos náuticos.»

Pró-atividade relevante

Juan Gonçalves enalteceu a iniciativa do Naval e do CTM. «Ao longo dos tempos, tem demonstrado forte dinâmica na organização de variadíssimas provas nos âmbitos regional, nacional e internacional. Num cenário de dificuldades, tem agido e procurado soluções para levar avante os seus projetos e esta pró-atividade é de relevar, tal como a confiança que as entidades nacionais depositam quer no Naval quer no CTM, dada a sua experiência acumulada.»

Mar tem efeito multiplicador

Miguel Albuquerque garantiu ser um prazer ser parceiro do Naval e do CTM. «A nossa filosofia há muito tempo que aponta para um caminho muito claro: o aproveitamento do nosso potencial ao nível do mar, quer na área desportiva, quer na área turística, e os efeitos multiplicadores que pode ter na nossa economia, desporto, formação, educação, cultura e ciência», perspetivou o Presidente da Autarquia, valorizando a área «sobretudo levando em linha de conta a conjuntura recessiva» que se atravessa.
«Temos de conjugar esforços no sentido de ganharmos escala e recursos e geri-los muito bem. Devemos continuar a apostar de forma rigorosa, através de políticas de médio e longo prazo, para aumentar o conjunto de regatas internacionais na Região, planeando a 5, 10 ou mesmo 15 anos. São eventos para os quais temos boas condições e que terão efeitos multiplicadores em todas as áreas.»

 

 

Clube Naval do Funchal

(Quinta-feira, 30 de Maio de 2013)

 
 
 
 

eleição de delegados da

Associação regional de vela DA MADEIRA PARA A

ASSEMBLEIA GERAL da FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE VELA

 

De acordo com os Estatutos da Federação Portuguesa de Vela - FPV, Regulamento Eleitoral da FPV e das Regras para as novas Eleições de Delegados da Associação Regional de Vela da Madeira, à Assembleia Geral da FPV, realizar-se no próximo dia 30 em Maio de 2013 o ato eleitoral:

 

          - Convocatória para eleição de Delegados

          - Regulamento eleitoral da Federação Portuguesa de Vela

          - Regras de designação de Delegados à Assembleia Geral em 2013

          - Regras para novas Eleições de Delegados das ARV´s

          - Lista de Clubes com direito a designar Delegados diretamente

          - Lista A

 

 

Associação Regional de Vela da Madeira

(Quarta-feira, 29 de Maio de 2013)

 
 
 
 

DELTA LLOYD rEGATTA - 5º Dia

 

Último dia regata para João Rodrigues, " Pelo menos a regata de consolação correu bem. Apesar do Nimrod me ter tirado o gosto de ganhar uma regata. Subi duas posições e terminei 12º da geral.
Foi um campeonato muito duro, por causa sobretudo do frio. Fizemos regatas com menos de 5ºC e água a 10ºC. Mas foi um bom treino para Brest, onde teremos o Campeonato da Europa, no início de Julho. Pelo menos com vento médio a forte, estou com boa velocidade e as minhas largadas foram impecáveis."
 

5º Dia de Regatas  - Press Release (Organização)

                                     - Classificação classe RS:X - 2º = 12º da Geral

 

                                       

 

Website: http://www.deltalloydregatta.org

Facebook: http://www.facebook.com/deltalloydregatta

Twitter: http://twitter.com/DeltaLloydRegat

Youtube: http://www.youtube.com/user/deltalloydregatta

 

Associação Regional de Vela da Madeira

(Segunda-feira, 27 de Maio de 2013)

 
 
 
 

40º TROFEO INTERNACIONAL DE VELA CONDE DE GODÓ

 

A Associação Náutica da Madeira, esteve representada no passado fim-de-semana no Trofeo Internacional de Vela Conde de Godó, em Barcelona, onde obteve o 4º Lugar da Classe Soto 40.
 

O Troféu de Vela Conde de Godó encontra-se na sua quadragésima edição, com cerca de 70 embarcações inscritas nas distintas classes presentes, contando com a presença da nata da vela internacional.
 

Tripulação da Associação Náutica da Madeira, liderada pelo José Caldeira, a bordo do Solete/TP Projectos Náuticos da Classe Soto 40, no primeiro do primeiro dia a tripulação do Solete, em que se inserem os velejadores da ANM, José Caldeira (skipper), Pedro Silva, John Tavares, Hélder Basílio e Pedro Marques, assim como Tiago Leal do CNF, obteve um quinto, um terceiro e um primeiro, nas três regatas realizadas, o que lhes garante um bom inicio de campeonato.

 

             

                             

 

Website: http://www.trofeocondegodo.com/en/inicio

Facebook: http://www.facebook.com/trofeodevelacondedegodo

Twitter: http://www.twitter.com/TrofeoCondeGodo

Galeria: http://www.trofeocondegodo.com/en/galeria/videos/2013/0

 

Associação Regional de Vela da Madeira

(Segunda-feira, 27 de Maio de 2013)

 
 
 
 

DELTA LLOYD rEGATTA - 4º Dia

 

Terceiro dia de regatas em Medemblik e segundo comentários do próprio João Rodrigues, "foi um dia para esquecer... A primeira regata ainda começou muito bem, mas acabei num buraco sem vento e lá fiquei entretido a ver a frota passar ao largo. Na segunda, entrou uma ventania de repente, foi muito engraçada, mas acho que nem entrei nos dez. E na última, acabou-se a gasolina. Já estávamos há tantas horas na água que fiquei sem energia.
Amanhã, derradeira regata de consolação."
 

4º Dia de Regatas  - Press Release (Organização)

                                     - Classificação classe RS:X - 13º / 11º / DNC

 

                                       

 

Website: http://www.deltalloydregatta.org

Facebook: http://www.facebook.com/deltalloydregatta

Twitter: http://twitter.com/DeltaLloydRegat

Youtube: http://www.youtube.com/user/deltalloydregatta

 

Associação Regional de Vela da Madeira

(Segunda-feira, 27 de Maio de 2013)

 
 
 
 

DELTA LLOYD rEGATTA - 3º Dia

 

Segundo dia de regatas em Medemblik, com uma brisa de vento a atingir os 20 a 30 nós de vento, quanto à temperatura, um pouco mais quente do que no dia anterior. O velejador colocou no seu facebook, que teve uma largada para a última regata do dia, não muito feliz, o que veio a traduzir-se num 12º lugar na linha de chegada.

Agradecimento especial ao colega Álvaro Marinho, o também velejador olímpico que atualmente assume funções de treinador na classe 470, apoio-o no mar, uma vez que a frota de 470 aguardava em terra por indicação para o início das suas regatas.
 

3º Dia de Regatas  - Press Release (Organização)

                                     - Classificação classe RS:X - 8º / 8º / 12º

 

                             

 

Website: http://www.deltalloydregatta.org

Facebook: http://www.facebook.com/deltalloydregatta

Twitter: http://twitter.com/DeltaLloydRegat

Youtube: http://www.youtube.com/user/deltalloydregatta

 

Associação Regional de Vela da Madeira

(Quinta-feira, 23 de Maio de 2013)

 
 
 
 

DELTA LLOYD rEGATTA - 2º Dia

 

João Rodrigues, velejador do Centro Treino Mar, é um dos três representantes de Portugal  em Medemblik - Holanda, a participarem na DELTA LLOYD REGATTA, prova do Campeonato de Vela da Eurosaf, que decorre de 21 a 25 de Maio.

 

2º Dia de Regatas  - Press Release (Organização)

                                     - Classificação classe RS:X - 20º / 5º / 19º / DNS

 

                   

 

Website: http://www.deltalloydregatta.org

Facebook: http://www.facebook.com/deltalloydregatta

Twitter: http://twitter.com/DeltaLloydRegat

Youtube: http://www.youtube.com/user/deltalloydregatta

 

Associação Regional de Vela da Madeira

(Quinta-feira, 23 de Maio de 2013)

 
 
 
 

eleição de delegados da

Associação regional de vela DA MADEIRA PARA A

ASSEMBLEIA GERAL da FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE VELA

 

De acordo com os Estatutos da Federação Portuguesa de Vela - FPV, Regulamento Eleitoral da FPV e das Regras para as novas Eleições de Delegados da Associação Regional de Vela da Madeira, à Assembleia Geral da FPV, realizar-se no próximo dia 30 em Maio de 2013 o ato eleitoral, pelo que divulga-se:

 

          - Lista A

 

 

Associação Regional de Vela da Madeira

(Quinta-feira, 16 de Maio de 2013)

 
 
 
 

REGATAS FINAL DE TARDE

 

A Associação Regional de Vela da Madeira com o patrocínio da CORAL, irá promover a realização das REGATAS FINAL DE TARDE.

Estão agendadas cinco provas no decorrer da época desportiva, que têm por objectivo o convívio social entre os entusiastas da modalidade num ambiente de desportivo. A 1º prova tem já inicio no próximo dia 10 de Maio na baia do Funchal.

 

 

Associação Regional de Vela da Madeira

(Sábado, 04 de Maio de 2013)

 
 
 
 

eleição de delegados das Associações regionais de vela

ASSEMBLEIA GERAL da FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE VELA

 

De acordo com os Estatutos da Federação Portuguesa de Vela - FPV, Regulamento Eleitoral da FPV e das Regras para as novas Eleições de Delegados das Associações Regionais de Vela, à Assembleia Geral da FPV a realizar-se em Maio de 2013, a Associação Regional de Vela da Madeira publica a seguinte documentação:

 

          - Convocatória para eleição de Delegados

          - Regras para Eleição de Delegados das ARV´s

          - Lista de Clubes com direito a designar Delegados diretamente

 

 

Associação Regional de Vela da Madeira

(Sexta-feira, 26 de Abril de 2013)

 
 
 
 

Naval conquista 5 das 8 classes

no III Torneio Caixa Geral de Depósitos

 

Disputou-se este fim de semana, na baía do Funchal, o III Torneio Caixa Geral de Depósitos/ 5ª Prova do Campeonato da Madeira de Vela Ligeira contou com cerca de 65 velejadores, que emprestaram muita cor à baía ao longo das 6 regatas realizadas, sob um vento de intensidade variável entre os 6 e os 14 nós. Realce para o triunfo de velejadores do Naval em 5 das 8 classes em prova.

 

Na classe Optimist Infantil, Gonçalo Gomes (CNF) esteve verdadeiramente imparável, vencendo as 6 regatas disputadas, o que lhe valeu um primeiro lugar confortável, à frente de Vicente Câmara (ANM) e Francisca Silva (CTM), 2º e 3º classificados, respetivamente, com os mesmos pontos. Na classe Optimist Juvenil, assistiu-se a um duelo entre os navalistas Pedro Abreu e Miguel Gomes, ganho pelo primeiro por apenas 1 ponto. No 3º lugar ficou Gonçalo Vieira (ICSC), enquanto Alice Marques (CNF), foi a melhor velejadora feminina, no 4º lugar da geral.

 

Na classe Laser 4.7 houve novo domínio navalista, com Pedro Correia a garantir o triunfo com 3 pontos de vantagem sobre o seu colega Luís Fraga, enquanto Francisco Gouveia (ICSC) completou o pódio no 3º lugar. Na classe Access 2.3, apesar de toda a frota ser do Naval, em virtude de ser o único que desenvolve a vela adaptada na Madeira, verificou-se uma participação entusiasta. Élvio Barradas triunfou com 3 pontos de vantagem sobre António Calaça, tendo António Nóbrega fechado o pódio no 3º lugar.

 

Na classe Techno 293 Juvenil, Artur Marques (CNF) revelou-se insuperável, pois venceu todas as regatas disputadas. No 2º lugar ficou Margarida Rodrigues (CTM), enquanto David Santos (CNF) foi o 3º classificado. Na classe Techno 293 Júnior, Tomás Silva foi o melhor do trio de participantes do CTM, tendo António Castro e João Machado obtido os 2º e 3º lugares, respetivamente. Na classe RS:X Júnior, Frederico Rodrigues (CTM) ganhou o duelo com o seu colega de clube Alexis Santos. Finalmente, na classe Raceboard Absoluto, Pedro Ideia (CTM) subiu ao degrau mais alto do pódio, ladeado por outros dois velejadores do CTM, Luís Rodrigues e Alberto Rodrigues.

 

                             

 

Clube Naval do Funchal

(Segunda-feira, 15 de Abril de 2013)

 
 
 
 

Centro Desportivo Nacional do Jamor

 

O Centro Desportivo Nacional do Jamor (CDNJ) é um espaço privilegiado para o apoio ao desenvolvimento da prática desportiva a todos os níveis, digno de referência a nível nacional. As suas diversas valências como Centro de Alto Rendimento, a sua excelência para a prática desportiva e de lazer, a par da natureza envolvente que o caracteriza, suscitam a sua elevada procura.

No sentido de proporcionar um melhor conhecimento sobre este centro desportivo, vimos pelo presente informar que, a partir do dia 8 de abril de 2013, o CDNJ passou a disponibilizar a visita virtual a todos os que desejem visitar este Centro Desportivo, por via do portal Visitas Virtuais. Através de cerca de 36 imagens esféricas (360º) os visitantes poderão contemplar as mais diversas infraestruturas desportivas e serviços existentes na área do Jamor.

Visita virtual geral ao Centro Desportivo Nacional do Jamor

Para realizar a visita virtual basta escolher no mapa do lado esquerdo a instalação a visitar e utilizar os botões de navegação ou o próprio rato para mover as fotografias esféricas em caso de PC, estando também disponível para tablets e smartphones. Cada imagem possui ainda breve descrição, em português e em inglês, sobre as características do respetivo espaço.

 

 
Para consultar pormenores, clicar  aqui.
 

JMAOR - Centro Desportivo Nacional

(Quinta-feira, 11 de Abril de 2013)

 
 
 
 

ALMOÇO MALTA DO CALHAU

 

Alomoço MALTA DO CALHAU na próxima Terça na Quinta Calaça.

 

      - Convidado Major General Marco Serronha

         Comandande da Zona Militar da Madeira

 

 

Clube Naval do Funchal

(Quinta-feira, 11 de Abril de 2013)

 
 
 
 

Perceções sobre lixo marinho

 

O projeto europeu MARLISCO - Marine Litter in Europe Seas: Social Awareness and Co-Responsibility

Juntos por um mar sem lixo, desenvolveu um curto inquérito (duração máxima 15 minutos), com o propósito de saber a nossa opinião sobre: Os tipos de lixos existem no mar? De onde vêm e quais as suas consequências?

Este projeto tem por objetivo aumentar a consciência social no que diz... respeito aos problemas e possíveis soluções relacionadas com o lixo marinho, e incutir mudanças nas atitudes e comportamentos da população relativamente a este problema ambiental.

 

 
Para consultar pormenores acerca da formação, clicar  aqui.
 

Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa

(Segunda-feira, 08 de Abril de 2013)

 
 
 
 

Madeira presente no

campeonato de Portugal de juvenis

 

Miguel Gomes, Pedro Abreu e Alivar Cardoso participam, a partir de amanhã, no VIII Campeonato de Portugal de Juvenis. Os velejadores do Clube Naval do Funchal, acompanhados pelo treinador Francisco Nóbrega, serão os únicos madeirenses presentes nesta competição, que se realiza em Viana do Castelo e prolongar-se-á até domingo.

Será a estreia deste trio em provas nacionais desta categoria, pelo que há grande expetativa em torno da sua prestação. Amanhã, quarta-feira (20 de março), será dedicado às medições do material e realização de treinos, e quinta-feira começarão as regatas a sério.

 

 
Anúncio de Regata 
Lista de Inscritos     
 

 
Para consultar pormenores deste evento, clicar  aqui.

 

Clube Naval do Funchal

(Quarta-feira, 20 de Março de 2013)

 
 
 
 

ACÇÃO DE FORMAÇÃO EM PRIMEIROS SOCORROS

organizado pelo CAB - Madeira

 

Na segunda-feira, dia 25 de Março, o CAB irá promover uma acção de formação na área dos primeiros socorros. A iniciativa terá lugar às 19h00, no Pavilhão do CAB, e o acesso é gratuito. O Clube convida toda a FAMILIA CAB, desde a atletas e encarregados de educação a funcionários e treinadores, assim como todas as pessoas que estejam interessadas neste tema, a assistir à formação, independentemente de estarem ou não ligadas ao CAB e ao basquetebol.

Esta acção de formação em primeiros socorros visa dotar os participantes com os conhecimentos necessários a uma rápida e eficaz abordagem a situações de emergência física, como, por exemplo, casos de paragem cardio-respiratória. O objectivo fundamental e dotar as pessoas que tomarem parte no evento do conhecimento necessário a abordar situações de emergência de forma a evitar o agravamento do estado de saúde dos afectados. Sem dúvida, conhecimentos úteis e necessários a todos, irrespectivamente de praticarem, ou não, actividade desportiva. 

"A acção de formação em primeiros socorros é a continuidade do papel formador do CAB, mas,desta feita, na forma de uma iniciativa dirigida a um público mais alargado", afirmou Francisco Gomes, presidente do CAB. "Acredito que o saber responder a situações de emergência médica é um conhecimento essencial a todos nós, independentemente de sermos atletas ou não. Nunca sabemos quando seremos chamados a dar resposta a uma situação de risco, e quando e se isso acontecer, é importante estarmos preparados", concluiu o líder dos Amigos. 

 

 

Perletor: Maria Zélia Silva Carvalho

Conteúdos:

                        - SIEM;

                        - Abordagem à vitima;

                        - Cadeia de sobrevivência. - SBV no adulto e criança;

                        - Abordagem dos temas: desmaio, hemorragia nasal, febre, convulsões, choque eléctrico, vómitos, 

                           feridas, queimaduras, asfixia e intoxicação.

 
Para consultar pormenores acerca da formação, clicar  aqui.

 

Clube dos Amigos do Basquete

(Segunda-feira, 18 de Março de 2013)

 
 
 
 

Curso Treinadores Nível I

com início previsto para 18 Março

 

A Associação Regional de Canoagem da Madeira informa que está previsto iniciar no próximo dia 18 Março, um curso de treinadores de canoagem grau I, promovido por esta Associação e pela Federação Portuguesa de Canoagem. 

Assim, os inscritos deverão fazer o pagamento de pelo menos 50% do valor total do curso, ou seja de 75€, até a próxima sexta-feira, podendo o restante valor (restantes 50% - 75€) ser liquidado até o final da data prevista do curso, nomeadamente 27 e 28 Abril.

Abaixo colocamos o calendário do curso, os formadores, carga horária de cada módulo e local de realização. 

Chamamos a atenção para outros potenciais interessados, que esta formação encontra-se de acordo com o novo Programa Nacional de Formação de Treinadores, e como tal, os módulos da componente geral são transversais a todas as modalidades, havendo necessidade de posteriormente apenas realizar a parte especifica de uma outra qualquer modalidade.

 

O Curso de Treinadores de Canoagem de Grau I é uma formação que servirá como base para os cursos de grau superior. Tem como objectivo proporcionar aos treinadores uma formação alargada e multidisciplinar, para uma posterior especialização nos graus II e III.

No fim do Curso, o Treinador de Grau I deverá ter ferramentas para orientar o treino nas primeiras etapas elementares da formação desportiva de novos praticantes, sob orientação de um treinador de grau superior. Deverá ainda ser capaz de adjuvar um treinador de grau superior nas etapas seguintes da formação de praticantes desportivos.
Apesar do treinador de Grau I estar confinado ao exercício da profissão de forma não autónoma, o seu papel será fundamental para um boa formação de base e fixação dos novos praticantes desportivos à modalidade.

O Currículo do Curso de Grau I prevê 56 horas de formação específica, 41 horas de formação geral e ainda a realização de estágio, tutorado por um treinador de grau superior (tutor) e um treinador nomeado pela FPC (coordenador), com a duração de 1 época desportiva.

Distribuição da carga horária total – 7 fins de semana (41h componente geral / 56h componente específica)
Carga horária diária média – 7h (09:00 às 13:00 | 15:00 às 18:00)
Taxa de inscrição - 150 euros

Requisitos de acesso:
 - maior de 18 anos
 - escolaridade mínima obrigatória em função da idade
 - saber nadar
 - saber andar de kayak

 
Ficha de Inscrição                  
Formulário de Equivalência   
Calendarização da Formação  
 
Para consultar mais pormenores, clicar  aqui.
Contato da Associação Regional de Canoagem da Madeira: 291 764 330

 

Associação Regional de Canoagem da Madeira

(Segunda-feira, 18 de Março de 2013)

 
 
 
 

João Rodrigues TERMINA o Mundial de RS:X no brasil em 14º lugar

 

1 a 6 de Março – Praia de Manguinhos, Búzios (Brasil)

 

Decorreu, até ao passado dia 6 de Março, na Praia de Manguinho - Brasil, o Campeonato Mundial de RS:X. João Rodrigues e o seu técnico José António Gouveia do Centro Treino Mar, foram a única representação portuguesa presente neste evento.

 

O João foi muito regular nas onze regatas disputadas (10º, 19º, 7º, 8º, 4º, 8º, 3º, 11º, 17º, 26º, 10º) e terminou na 14ª posição – 12º por países. Com este resultado, de acordo com as regras adoptadas aquando da realização dos Jogos Olímpicos -  Londres de 2012, João Rodrigues tem entrada no Projecto Olímpico Rio 2016.

O britânico Nick Dempsey sagrou-se Campeão Mundial, sendo o primeiro a conseguir dois títulos em RS:X. O holandês Dorian Van Rijsselberge, medalha de ouro nos Jogos Olímpicos de Londres, foi segundo e o grego Byron Kokkalanis terminou na terceira posição.

 

Esta competição contou com a participação de 105 velejadores dos quais 41 eram femininos e 64 masculinos.

 
Anúncio de Regata 
 

Resultados:

- Classe RS:X - masculinos  

   Classificação Final Absoluta      João Rodrigues - Centro Treino Mar - 14º classificado

 

                   

Por RS:X Racing

 
Para consultar pormenores deste evento, clicar a aqui.

 

Associação Regional de Vela da Madeira

(Quinta-feira, 07 de Março de 2013)

 
 
 
 

João Rodrigues ocupa o 13º lugar no Mundial de RS:X

 

1 a 6 de Março – Praia de Manguinhos, Búzios (Brasil)

 

Está a decorrer, até ao próximo dia 6 de Março, na Praia de Manguinho - Brasil, o Campeonato Mundial de RS:X. João Rodrigues, o único representante português presente ocupa, ao quarto dia de prova, o 13º lugar na classificação geral. Esta é a primeira competição em que o velejador madeirense participa depois das olimpíadas de Londres, em 2012.

 

João Rodrigues não começou a competição da melhor maneira, tendo conseguido na primeira regata o 10º lugar e o 20º na segunda. Domingo foi mais feliz para o velejador madeirense, com ventos entre os 10 e os 15 nós e uma subida na classificação geral. Nas três regatas do dia, o velejador português, conseguiu o sétimo, oitavo e quarto lugares respetivamente.  Esta segunda-feira,  4 de Março, é o dia em que são apurados os 32 atletas que competem na final.

 

Búzios recebe mais uma prova de RS:X que vai definir os campeões mundiais da classe. Estão na Praia de Manguinhos os 65 melhores velejadores de Prancha à Vela e João Rodrigues encontra-se entre eles.

 

 

analima - Comunicação e Marketing

(Segunda-feira, 04 de Março de 2013)

 
 
 
 

VIII Semana Olímpica de Andaluzia

 

Quarto e último dia de regatas para o encerramento da VIII Semana Olímpica de Andaluzia, vai ficar na história como uma edição das mais difíceis e competitivas, disputada com bom vento que acompanhou a frota ao longo dos quatro dias.

 

3º Dia de regatas

Dia muito exigente. No campo de regatas "Alpha", as pranchas RS:X realizaram três regatas  (quase em modo de sobrevivência). Frederico Rodrigues do Centro Treino Mar devido à forte intensidade do vento e à ondulação, apenas concluiu uma regata e aguarda por um pedido de revisão de resultados. Terminou esses regata em 9º lugar (absoluto), ainda que tenha velejado até à exaustão.


O Guilherme Marques do Clube Naval do Funchal, concluiu duas regatas, uma em 6º lugar e outra em 7º lugar da classificação. Melhorou bastante com ventos acima dos 20 nós de intensidade. Na terceira regata do dia (apenas seis velejadores se apresentaram à largada, apenas concluíram a regata três ). Navegava em 3º lugar na segunda bolina quando o vento subiu junto à bóia nº 2 para cerca de 30 nós. Infelizmente e depois de ser catapultado varias vezes e ficar completamente exausto,  não conseguiu terminar nos 15 minutos de tempo limite após a chegada do primeiro velejador.

Na classe Laser Radial, Pedro Correia do Clube Naval do Funchal mantém o 12º lugar masculino, sendo o 2º Português. Rondou sempre bem nas mareações à bolina, conseguindo fazer boas largadas, tendo sentido algumas dificuldades, nomeadamente muita instabilidade no barco, à popa.
 

1º Dia de regatas
Na classe RS:X - Youth, realizaram-se duas regatas com vento entre os 10 e os 18 nós de intensidade.
Frederico Rodrigues - CTM,  terminou as duas regatas em 12º  estando em 13º da classificação geral. Teve alguns problemas com a caixa do patilhão na primeira regata que o fizeram perder algumas posições na primeira rondagem a sotavento.
 

Guilherme Marques - CNF continua à espera que o pedido de revisão de resultados seja revisto pela Comissão Regatas, pois foram-lhe atribuído DNC nas duas regatas do dia.
 

Na Laser Radial realizaram-se três regatas no campo de regatas "Bravo", com vento entre os 10 e os 18 nós de intensidade, Pedro Correia - CNF teve um dia positivo. Encontra-se na 16º posição da geral  (1º classificado Júnior Português).

 
Anúncio de Regata 
 

Resultados:

- Classe RS:X - masculinos  

   Classificação Final Absoluta      Guilherme Marques - Clube Naval do Funchal - 7º classificado

                                                                                Frederico Rodrigues - Centro Treino Mar - 10º classificado

                                                                                22 Velejadores Participantes

 

   Classificação Final "Youth 8.5"     Guilherme Marques - Clube Naval do Funchal - 7º classificado

                                                                                     Frederico Rodrigues - Centro Treino Mar - 8º classificado

                                                                                     18 Velejadores Participantes

 

- Classe Laser Radial - masculinos  

   Classificação Final Absoluta      Pedro Correia - Clube Naval do Funchal - 12º classificado

                                                                                35 Velejadores Participantes

 

                             

 
Para consultar pormenores deste evento, clicar a aqui.
 

 

Associação Regional de Vela da Madeira

(Segunda-feira, 04 de Março de 2013)

 
 
 
 

Caderno Eleitoral à eleição de delegados da

ASSEMBLEIA GERAL da FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE VELA

 
Para consultar o caderno eleitoral da Madeira, clicar a aqui.
 
Para consultar pormenores acerca da AG, clicar a aqui.
 

 

Associação Regional de Vela da Madeira

(Sexta-feira, 08 de Fevereiro de 2013)

 
 
 
 

39º TORNEIO INTERNACIONAL DE VELA DE VILAMOURA

 

Madeira volta a estar presente na 39º Torneio Internacional de Vela da Vilamoura que realiza-se de 09 a 11 de Fevereiro na Cidade de Vilamoura. Pedro Correia (classe Laser Radial) e Miguel Gomes (classe Optimist Juvenil), ambos velejadores do Clube Naval do Funchal sob a orientação do técnico Hugo Rosa, irão medir "forças" com cerca de 5 centenas de atletas. Esta prova é considerada de extrema importância, uma vez que antecede os Campeonatos de Portugal de Juvenis, Juniores e de Classes Olímpicas.

 

As regatas iniciam-se às 11h00, excepto no primeiro dia (09/Feveriro) em que o sinal de advertência será dado às 13h00, perspectivando-se a realização de 9 regatas no total. 

 
Anúncio de Regata
 
Para consultar pormenores deste evento, clicar a aqui.
 

 

Associação Regional de Vela da Madeira

(Sexta-feira, 08 de Fevereiro de 2013)

 
 
 
 

LAND ROVER DEFENDER 110

 

A Associação Regional de Vela da Madeira vem por este meio, informar que se encontra à venda a viatura Land Rover Defender 110, tendo como valor base de 7.000,00€.

 

As propostas dos interessados (nunca inferior ao valor mínimo exigido) deverão ser enviadas para a Associação Regional de Vela da Madeira até ao dia 04 de Fevereiro de 2013 (segunda-feira), por via e-mail ou por “carta fechada”, com o respetivo e-mail e contato.

 

 

Dados acerca da viatura:

 

Marca: Land Rover

Modelo: Defender 110

Motor: TDI – 2.5cc com 113Cv

Ano: 2000

Cor: verde metalizado com teto branco

Quilometragem: 95.823Kms

Tipo: 4 portas / passageiros (9 lugares)

Nº de registos proprietário: 1

Jantes: Liga leve - R16

 

Informamos que a viatura encontra-se na sede provisória da Associação Regional de Vela da Madeira no Complexo de Piscinas Olímpicas do Funchal. Para uma eventual inspeção à viatura, favor contatar os serviços administrativos da ARVMadeira.

 

 

Associação Regional de Vela da Madeira

(Segunda-feira, 29 de Janeiro de 2013)

 
 
 
 

Torneio Exictos - 3ª pr do Campeonato da Madeira de Vela Ligeira

 
«Navalistas vencem em 5 das 7 classes»
 

O Naval levou a efeito este fim de semana, na baía do Funchal, o Torneio Exictos, 3.ª prova do Campeonato da Madeira de Vela Ligeira. Muito embora o programa previsse regatas distribuídas por sábado e domingo, a falta de vento levou à realização de apenas 3 regatas no domingo, num campo balizado em frente ao Hotel Carlton, com intensidade que variou entre os 5 e os 9 nós.

Enquanto na classe Optimist Infantil, o navalista Gonçalo Gomes venceu sem qualquer oposição, a classe Optimist Juvenil foi a mais concorrida, com 17 participantes, tendo Alice Marques sido a mais forte. A velejadora do Naval venceu uma regata e terminou as outras duas na 2.ª posição, o que lhe garantiu o triunfo com 1 ponto de vantagem sobre o outro navalista, Miguel Gomes, que somou um 1.º, um 2.º e um 3.º lugares. No “top ten” classificaram-se ainda mais 4 navalistas: Inês Freitas (4.º), Pedro Abreu (5.º), Alivar Cardoso (7.º) e Pedro Baltazar (8.º).

Na classe Laser 4.7, o Naval conquistou todo o pódio, com Pedro Correia a demonstrar a sua superioridade com a vitória em duas regatas e um 2.º lugar. Alexandre Casimiro garantiu o 2.º posto ao terminar as regatas sempre no pódio, ao passo que Luís Fraga foi 3.º classificado depois ter alternado um 6.º e um 5.º lugares com um triunfo na derradeira regata.

Na classe Bic Techno Juvenil, Artur Marques não deu hipóteses à concorrência. O velejador do Naval venceu as 3 regatas e ainda viu o seu colega David Santos ascendeu ao 3.º lugar do pódio, fruto de outros tantos terceiros lugares. A classe Bic Techno Júnior contou com apenas 2 velejadores, ambos do CTM, tendo António Castro ganho as 3 regatas.

Na classe Raceboard (absoluta), Luís Rodrigues (CTM) garantiu o 1.º lugar com o triunfo em duas regatas, enquanto Frederico Rodrigues ganhou a remanescente. O navalista Guilherme Marques subiu ao 3.º lugar do pódio.

A classe Access 2.3 foi composta, como habitualmente, por uma frota composta apenas por velejadores do Naval, tendo António Calaça ganho as duas regatas realizadas. A luta pelo segundo lugar foi renhida, tendo António Nóbrega ganho o duelo com Élvio Barradas, ainda que ambos tenham terminado em igualdade pontual.

A entrega de prémios, que decorreu na Quinta Calaça, contou com a presença de João Santos, Diretor Regional da Juventude e Desporto, que felicitou os velejadores, não só pelos resultados alcançados mas também pela «paciência que tiveram de esperar pelo vento», naquele que considerou um sinal claro de estar em presença «de bons velejadores que com certeza conseguirão muitas vitórias». Mafalda Freitas, Presidente do Naval, agradeceu o apoio disponibilizado pela Exictos à modalidade nos últimos anos e relevou o papel dos velejadores, afinal «os principais protagonistas». Realce para a presença também de José Rocha, precisamente responsável pelo patrocínio da Exictos.

 

 
Para consultar as classificações de cada classe, clicar em aqui.

Clube Naval do Funchal

(Segunda-feira, 28 de Janeiro de 2013)

 
 
 
 

Guilherme Marques veleja no Programa de Orientação Olímpica

 

Guilherme Marques foi integrado no Programa de Orientação Olímpica da classe RS:X. O velejador do Clube Naval do Funchal, para além de vir dominando a competição regional, participou no ano passado em provas internacionais, nomeadamente no Campeonato da Europa (Múrcia, Espanha), Campeonato do Mundo (Medemblik, Holanda) e na Ergo Hestia Cup (Sopot, Polónia), tendo alcançado o 2.º lugar nesta última. A integração no POO da Federação Portuguesa de Vela visa “potenciar o apoio aos clubes e proporcionar aos praticantes desportivos, condições de preparação necessárias para atingir uma melhoria qualitativa global dos resultados desportivos”, conforme se lê na secção de Alto Rendimento disponibilizada no seu site.



Guilherme Marques, de 16 anos, torna-se assim no segundo velejador englobado no Programa de Orientação Olímpica, depois da chamada, há cerca de 1 ano, de Pedro Correia, na classe Laser Radial. Recorde-se que a classe RS:X mantém-se no programa olímpico para o Rio de Janeiro 2016.

 

 

Clube Naval do Funchal

(Quinta-feira, 24 de Janeiro de 2013)

 
 
 
 

Convocatória ASSEMBLEIA GERAL extraordinária

 

Publica-se Convocatória para Eleição de Delegados à Assembleia Geral da Federação Portuguesa de Vela.

 

Para consultar a Convocatória da AG, clicar a aqui.

Associação Regional de Vela da Madeira

(Terça-feira, 22 de Janeiro de 2013)

 
 
 
 

Programa de Preparação Olímpica e

Programa de Orientação Olímpica

 

Na sequência da apresentação do Programa de Preparação Olímpica e Programa de Orientação Olímpica sob a responsabilidade do Diretor Técnico Nacional – Pedro Rodrigues no passado dia 07 de Dezembro, encontra-se acessível para consulta os conteúdos que regulam os Projetos Olímpicos, bem como ficha de inscrição para os velejadores que estejam interessados em integrar este projeto.

Agradecemos que os interessados aquando do envio da sua inscrição para a Federação Portuguesa de Vela dêem conhecimento da sua intenção à própria Associação Regional de Vela da Madeira.

 

Projeto  - Alto Rendimento  

             - Alto Rendimento (versão interativa)

Formulário - Ficha de Inscrição 

 

Associação Regional de Vela da Madeira

(Quarta-feira, 12 de Dezembro de 2012)

 
 
 
 

João Rodrigues apadrinha Semana Olímpica no Porto

 

A Semana Olímpica, o maior evento de promoção do Olimpismo em Portugal, vai pela primeira vez ao Porto, na semana de 10-14 de Dezembro. Organizado pela Comissão de Atletas Olímpicos (CAO), o evento foi lançado no dia 27 de Novembro numa conferência de imprensa no auditório da Faculdade de Desporto da Universidade do Porto (FADEUP).

Durante o evento, crianças do 1º ao 3º ciclo poderão experimentar várias modalidades desportivas que fazem parte do programa dos Jogos Olímpicos, enquadrados pelas respectivas federações e atletas.

O padrinho do evento é João Rodrigues, atleta português com mais participações em Jogo Olímpicos, tendo como melhores resultados nos jogos o 6º alcançado em Atenas e o 7º Lugar em Atlanta.

O convívio com vários atletas que estiveram em Londres ou em anteriores olimpíadas será uma constante, acompanhando os jovens e transmitindo-lhes um pouco da sua experiência, e dando-lhes a conhecer os valores e ideais olímpicos.


As modalidades que estarão presentes nesta edição são: Andebol, Atletismo, boxe, canoagem, esgrima, ginástica, golfe, hóquei, judo, natação, rugby, taekwondo, ténis, ténis de mesa, vela e voleibol.


A Semana Olímpica é organizada pela Comissão de Atletas Olímpicos.

 

 
Para consultar pormenores acerca do Projeto, clicar em aqui.

Comissão de Atletas Olímpicos

(Segunda-feira, 10 de Dezembro de 2012)

 
 
 
 

Programa de Preparação Olímpica e

Programa de Orientação Olímpica

 

Terminado o ciclo Olímpico Londres 2012 e com o início do próximo do ciclo RIO 2016, a Federação Portuguesa de Vela desenvolveu  dois programas que pretende implementar a muito curto prazo:

- O Programa de Preparação Olímpica e,

- O Programa de Orientação Olímpica

Estes programas visam, por um lado, criar condições a jovens atletas que pretendam iniciar-se na vela olímpica e, por outro, capacitar atletas de modo a obterem resultados de excelência em classes olímpicas.

Nesse sentido, a Federação Portuguesa de Vela, convida um dirigente e um técnico dos Clubes Regionais, ligados ao alto rendimento, para uma Sessão de Esclarecimentos sobre estes programas.

A Sessão, que se realizará no próximo dia 07 de Dezembro, pelas 19h00, no Complexo das Piscinas Olímpicas do Funchal, contará com a presença do Diretor Técnico Nacional, Pedro Rodrigues.

 

 
Para efeitos de gestão do recinto, solicita-se a confirmação da vossa presença.

Federação Portuguesa de Vela

(Quarta-feira, 05 de Dezembro de 2012)

 
 
 
 

PONTASSOLENSES VELEJARAM COM FAROL PARA A VIDA

 

O Clube Naval do Funchal levou a efeito hoje (29 de novembro), em São Lázaro, mais uma atividade no âmbito do Projeto Farol para a Vida, desta feita na vela adaptada. Numa lógica inclusiva, de partilha de experiências náuticas simultânea de portadores de necessidades especiais e ditos normais, foram para o mar utentes do Centro de Apoio Ocupacional da Ponta do Sol e da Escola do 1º Ciclo do Lombo dos Canhas, aos quais juntaram-se os velejadores de vela adaptada navalistas. Numa manhã soalheira e com intensidade de vento q.b., houve oportunidade para todos manobrarem as embarcações Access 2.3, próprias para esta atividade, e deliciarem-se com as sensações únicas da prática da vela.

 

                             

 
Para consultar pormenores acerca do Projeto Farol para a Vida, clicar em aqui.

Clube Naval do Funchal

(Quinta-feira, 29 de Novembro de 2012)

 
 
 
 

curso de oficial de Regata - grau 1

 

A Federação Portuguesa de Vela em colaboração com a Associação Regional de Vela da Madeira irá organizar um Curso de Oficial de Regata – Grau 1 nos próximos dias 8 e 9 de Dezembro.

 

 

Esta formação destina-se a candidatos a Oficial de Regata à graduação e à renovação de “Grau 1”.

A formação decorrerá no horário compreendido das 09h30–13h00 e das 14h00–19h00, tendo como formador o Director Técnico Nacional da FPV - Pedro Rodrigues.

A inscrição deverá ser formalizada até ao dia 5 de Dezembro, com o preenchimento da a ficha de inscrição e o pagamento da taxa de inscrição no valor de 20,00€ (por transferência bancária), a ser remetida para o seguinte mail: arbitragem@fpvela.pt

Formulário - Ficha de Inscrição  

 

Associação Regional de Vela da Madeira

(Terça-feira, 27 de Novembro de 2012)

 
 
 
 

curso de juízes de Regata - grau 1

 

A Federação Portuguesa de Vela em colaboração com a Associação Regional de Vela da Madeira irá organizar um Curso de Juiz de Regata – Grau 1 nos próximos dias 24 e 25 de Novembro no Complexo de Piscinas Olímpicas do Funchal.

 

Esta formação destina-se a candidatos a Juiz de Regata à graduação e à renovação de “Grau 1”.

A formação decorrerá no horário compreendido das 09h30–13h00 e das 14h00–19h00 (24/Novembro) e 09h30–13h00 e das 14h00–17h00 (25/Novembro), tendo como formador o Árbitro Internacional Miguel Allen.

A inscrição deverá ser formalizada até ao dia 22 de Novembro, com o preenchimento da a ficha de inscrição e o pagamento da taxa de inscrição no valor de 20,00€ (por transferência bancária), a ser remetida para o seguinte mail: arbitragem@fpvela.pt

Formulário - Ficha de Inscrição  

 

Associação Regional de Vela da Madeira

(Terça-feira, 20 de Novembro de 2012)

 
 
 

Samantha Davies e o infortúnio na Vendée Globe Race

 

«Pelo menos pude conhecer a Madeira»

 

Samantha Davies abrilhantou a 1.ª Prova do Campeonato da Madeira de Vela Ligeira, organizada pelo Clube Naval do Funchal no fim de semana passado. O azar da inglesa, que partiu o mastro da sua embarcação quando passava a cerca de 130 milhas a noroeste da Madeira, durante a Vendée Globe Race, acabou por ser um atractivo para os jovens velejadores regionais e até para os adeptos da vela, já que é raro ver-se na Marina do Funchal uma daquelas embarcações de 18 metros.

 

A inglesa esteve presente na cerimónia de entrega de prémios da competição e falou sobre esta sua visita à Madeira. «Foi inesperada e, sinceramente, não a queria ter feito, preferia estar ainda na Vendée Globe Race.

Apesar de fazermos tudo para evitar situações destas, a verdade é que elas acontecem. A minha embarcação é “high tech”, está muito bem preparada, mas infelizmente perdeu o mastro. Julgo que não foi devido a algo que tenha feito, mas sim um problema técnico qualquer cuja origem estamos ainda a tentar descobrir. De qualquer maneira, se

tivesse de escolher um local qualquer para uma situação destas acontecer, escolheria precisamente a Madeira. Nunca cá tinha estado, muito embora tenha passado pela ilha algumas vezes e até a tivesse visto, mas nunca tinha posto cá os pés e sempre tive curiosidade de cá vir», admitiu Samantha Davies, agradecendo a recepção que o Clube Naval e a Marina do Funchal lhe proporcionaram. «Fui muito bem recebida, especialmente por parte do Clube Naval do Funchal. Tornaram a minha vida e dos elementos da minha equipa muito mais fácil, porque estamos com alguma pressa de ter o barco pronto para seguirmos para norte, porque o Inverno está aí e não é fácil velejar sem um mastro. O Hugo [Rosa] tem andado connosco para baixo e para cima, a tentar arranjar o material — conheci a esposa dele e agradeci-lhe por tudo porque ele provavelmente deveria estar nestes dias em casa com a família. De qualquer maneira, apesar de ser uma situação triste para mim, estes dias na Madeira têm sido bons.»

 

Velejar já!

Apesar do azar deste ano, Davies só pensa em voltar a competir na Vendée Globe Race. «Há 4 anos fiz esta corrida e acabei em 4.º lugar, provei a mim mesma que era capaz de fazer uma boa prova. Este ano estava esperançada em fazer melhor mas… Quero voltar a participar daqui a 4 anos, mas para já quero é voltar para dentro de um barco e velejar. Um pouco como os miúdos nesta competição [1.ª Prova do Campeonato da Madeira de Vela Ligeira]; quando chegar a França quero enviar-me num barco e treinar.»

 

Curiosidade em torno do barco

Quanto à reacção dos jovens pela sua presença, Samantha Davies não escondeu ter sentido olhares curiosos. «Notei que eles ficaram muito admirados, não tanto por minha causa ou pelo facto de ser uma mulher a fazer uma corrida destas, mas principalmente pelo barco, porque não é todos os dias que o Funchal tem oportunidade de ver uma destas embarcações, ainda por cima sem mastro! Devem estar a perguntar-se como é que o mastro partiu! Até queria mostrar-lhes o barco, mas eles estavam muito mais divertidos nas regatas. Acredito que este dia tenha sido diferente para eles por causa da minha presença.»

 

Para consultar pormenores deste evento em aqui.

Clube Naval do Funchal

(Segunda-feira, 19 de Novembro de 2012)

 
 
 
 

1ª PROVA DO CAMPEONATO DA MADEIRA DE VELA LIGEIRA

 

ÉPOCA ABRE COM DOMÍNIO NAVAL

 

O Clube Naval do Funchal levou a efeito, no fim de semana transacto, a 1.ª prova do Campeonato da Madeira de Vela Ligeira.

Apesar do programa ter previsto regatas nos dois dias de competição, apenas do domingo os velejadores puderam manobrar, uma vez que no sábado o vento primou pela ausência. No domingo, com vento a rondar apenas os 5/6 nós, realizaram-se 2 regatas, o suficiente para colocar sorrisos na cara dos cerca de cinquenta jovens participantes.

 

O Naval iniciou a época em grande, pois venceu 5 das 7 classes em prova. Na Classe Optimist Infantil, Gonçalo Gomes (CNF) foi o melhor do trio participante, com triunfos nas duas regatas que lhe garantiram o 1.º lugar no pódio. A Classe Optimist Juvenil foi a mais concorrida, com 19 velejadores à largada, com o pódio a ficar composto por atletas de diferentes clubes. Ao lugar mais ambicionado ascendeu Miguel Gomes (CNF), que não deu hipótese à restante frota, ao somar um 1.º e um 2.º lugar, deixando o seu adversário mais directo, Gonçalo Vieira (Iate Clube SC) a 5

pontos de distância. No 3.º lugar ficou Luís Andrade (CTM).

 

Na Classe Laser 4.7 assistiu-se ao domínio total dos velejadores do CNF, que açambarcaram o pódio. O triunfo foi para Pedro Correia, que somou um 2.º e um 1.º lugar nas regatas, ao passo que Alexandre Casimiro ficou no 2.º lugar, fruto da vitória na primeira regata e um 4.º posto na segunda. No 3.º lugar ficou Lourenço Cardoso, dono de um 3.º e um 2.º lugar na regatas, ou seja, terminou em igualdade pontual com o segundo classificado.

 

Na Classe Techno Juvenil, o navalista Artur Marques venceu as duas regatas e subiu naturalmente ao lugar mais alto do pódio, ladeado por Tomé Barcelos (CTM) e o seu colega David Santos (Clube Naval do Funchal).

 

A Classe Techno Júnior contou com 3 velejadores, todos do CTM, tendo Tomás Silva conquistado a vitória, seguido de Margarida Rodrigues e Vera Prada, nos 2.º e 3.º lugares, respectivamente.

 

Guilherme Marques (CNF) foi o mais rápido na Classe RS:X Júnior, triunfando em ambas as regatas, à frente de João Abreu e Gil Costa, ambos do CTM.

 

Finalmente, na Classe Raceboard Absoluto, Luís Rodrigues (CTM) venceu as duas regatas, seguido dos seus colegas de clube, Bruno Fernandes e Filipe Caires.

 

Realce para a presença de Samantha Davies na entrega de prémios. A velejadora que abandonou a Vendée Globe Race por ter partido o mastro e chegou à Madeira na manhã de sábado, dialogou com os jovens acerca da sua experiência enquanto velejadora solitária.

 

 
Consultar as classificações deste evento em aqui.
 

Clube Naval do Funchal

(Segunda-feira, 19 de Novembro de 2012)

 
 
 
 

VENDÉEGLOBE - LES SABLES D´OLONNE

 

Samantha Davies

Savéol dismasted

Articles | vendredi 16 Novembre 2012, 00h12

"At 1945hrs (French time), on Thursday, November 15th, Samantha Davies contacted the race office of the Vendée Globe to report that her boat had dismasted. Davies is not injured. She is safe inside the boat with all the watertight doors closed. She is monitoring the situation and does not require assistance. She is wearing her survival suit and has safety equipment at hand."

 

Sam Davies: “I could hear the mast rubbing against the hull”

Articles  | Friday 16 November 2012, 12h17

"It was quite difficult conditions because I had just gone through the cold front and I had a really cross sea and to start with not much wind and the wind was just starting to establish itself around 25-30 knots and I had the right sails up for those conditions and it had been pretty tricky and then, as I was expecting, we had some big rain squalls coming and the first rain squall came through and I had up to 40 knots, so I bore away and I was easing the sheets from inside the boat and easing the sheets and bearing away to calm it down. I was mentally preparing myself, as soon as the squalls had finished to go out and take the third reef for the night, because it was at nightfall when this was going on. And that is the way I had been sailing for the whole race, is quite conservatively and taking a reef, especially at night when you can’t see the squalls coming, so I was getting ready to my foulweather gear on and that’s when the squall was just finishing and the wind was dropping and the boat jumped off the top of the top of a wave and that’s when I had the impact and then the boat came upright and suddenly there is no more wind in your rigging.

The hard thing is that when the mast falls down, it falls to leeward so the boat is being pushed on top of the mast so I could hear the mast rubbing against the hull and down the whole side of the hull and under the boat, so I knew that it could damage the hull if I was unlucky, so the main thing was to close all the watertight bulkheads in case it did get pierced so I put my survival suit on because it is the best way to go out and check everything on deck and in the time that this happened and the boat turned around, as I expected it would, so that the mast was to windward of the boat and acting more like a sea anchor but the worst thing was the really big waves and breaking wave and they were pushing the mast and boom into the deck and into the hull still and everything was moving a lot, like around 2m, and there was still a lot of wind in the mainsail attached to the boom, so every time there was a big gust the boom was lifting off the deck and into the water. To start with I didn’t want to go outside in case the boom got caught by the wind or in case there was a big jump, so I wanted to wait to see how the whole situation as going to establish itself before I took any chances to go on deck."

O historial da velejadora Samantha Davies

Para consultar pormenores deste evento em aqui.

 

Vendée Globe

(Sexta-feira, 16 de Novembro de 2012)

 
 
 
 

2012 LOS ALCAZARES JUNIOR, YOUTH & MASTERS EUROPEAN CHAMPIONSHIP

 

A Madeira esteve uma vez mais representada ao mais alto nível no "Junior, Youth & Master European Championship" organizado pelo Club Náutico Mar Menor Los Alcázares, onde reuniu cerca de 254 velejadores.

Prova decorreu de 21 a 27 de Outubro e contou com uma equipa madeirense composta por nove velejadores, sendo seis do Centro Treino Mar e três do Clube Naval do Funchal, orientados pelos técnicos José António Gouveia e Hugo Rosa respectivamente.

Poderá consultar o Anúncio de Regata  

Resultados:

- Classe Techno 293 - sub 15 masculinos  

   Classificação Final: Artur Marques - Clube Naval do Funchal - 56º classificado

   58 Velejadores Participantes

 

- Classe Techno 293 - sub 17 masculinos  

   Classificação Final: Guilherme Marques - Clube Naval do Funchal - 40º classificado

   Classificação Final: Frederico Rodrigues - Centro Treino Mar - 55º classificado

   Classificação Final: Alexis dos Santos - Centro Treino Mar - 84º classificado

   Classificação Final: Gil Costa - Centro Treino Mar - 85º classificado

   87 Velejadores Participantes

 

- Classe Raceboard  

   Classificação Final: João Rodrigues - Centro Treino Mar - 1º classificado

   Classificação Final: Pedro Moura - Clube Naval do Funchal - 5º classificado

   Classificação Final: Alexandre Rebelo - Centro Treino Mar - 16º classificado

   38 Velejadores Participantes

 

Para consultar pormenores deste evento em aqui.

 

Associação Regional de Vela da Madeira

(Segunda-feira, 29 de Outubro de 2012)

 
 
 
 

Cascais Laser Europa Cup

 

Mais de 100 velejadores confirmaram presença no "Cascais Laser Europa Cup", entre eles o velejador madeirense Pedro Correia do Clube Naval do Funchal.

A prova decorreu de 19 a 21 de Outubro, organizada pelo Clube Naval de Cascais, conforme Anúncio de Regata.

Resultados:

- Classe Laser Radial  

   Classificação Final: Pedro Correia - Clube Naval do Funchal - 9º classificado

   45 Velejadores Participantes

 

Para consultar pormenores deste evento em aqui.

 

Associação Regional de Vela da Madeira

(Segunda-feira, 29 de Outubro de 2012)

 
 
 
 

avisos à navegação

 

O Instituto Hidrográfico emitiu a seguinte comunicado, acerca da publicação dos "Avisos à Navegação", para  o qual chamamos à vossa atenção.  

 
Instituto Hidrográfico - Link (mais informações)
 

Instituto Hidrográfico

(Quinta-feira, 04 de Outubro de 2012)

 
 
 
 

CONGRESSO "DESPORTO E O MAR"

 

O Clube Naval do Funchal e a Universidade da Madeira levam a efeito entre os dias 2 a 4 de Novembro uma iniciativa inédita na RAM: O Congresso Internacional sobre Desporto e o Mar, iniciativa que trará à região oradores de diversas partes da Europa e do país no sentido de debater de forma fundamentada o aproveitamento do nosso melhor parque desportivo que é o mar, possibilitando a todos os que participarem neste congresso uma visão integradora que percorra transversalmente todas as atividades ligadas ao Desporto e ao Mar.

O programa será dividido em 2 dias (6º e Sábado) com intervenções de oradores credenciados, e onde na manhã de sábado qualquer candidato, pode apresentar uma comunicação livre neste âmbito, sendo que a manhã de Domingo será destinada à parte lúdica do congresso com a participação em actividades náuticas de vela, canoagem e mergulho.

Comissão Científica:
                                          - Prof. Doutor Hélder Lopes
                                          - Profª Doutora Catarina Fernando
                                          - Prof. Doutor João Alberto Figueira Sousa
                                          - Prof. Doutor João Prudente
                                          - Dr.ª Mafalda Freitas

 

Programa e Taxa de Inscrição - Link
 
Ficha de Inscrição 
 
Clube Naval do Funchal - Link (mais informações)

Clube Naval do Funchal

(Quinta-feira, 04 de Outubro de 2012)